Dizeres do Pôvo (1911)

[08Fev17]

aco11aco6


DIZERES DO PÔVO


ANTÓNIO CORRÊA D’OLIVEIRA


O poeta usando como mote para as suas quadras uma escolha de cento e quinze (115) dizeres do pôvo.

3.ª edição, muito provavelmente no mesmo ano da primeira (1911). Mini-livro (7,5 x 11,5 cm), encadernado em tecido de fantasia, sem as capas de brochura. Assinatura de posse no topo da página de guarda. 146 páginas. Lisboa: Livrarias Aillaud e Bertrand, [s.d.].

Preço: 15 euros.


%d bloggers like this: