O Processo das Três Marias: defesa de Maria Isabel Barreno

[08Fev17]


O PROCESSO DAS TRÊS MARIAS

DEFESA DE MARIA ISABEL BARRENO


DUARTE VIDAL


… Os censores portugueses, com o maquievelismo próprio das suas sinistras consciências, remeteram as três escritoras, como autoras de um livro pornográfico, Novas Cartas Portuguesas, para a Polícia encarregada da averiguação dos delitos comuns.
Tal acusação por pornografia e ofensas à moral pública, não foi mais do que um pretexto que escondia as verdadeiras causas da perseguição criminal promovida, que eram, essencialmente, de natureza política. [texto da contracapa]

Autoria do advogado de Maria Isabel Barreno. Com depoimentos de Urbano Tavares Rodrigues, Augusto Abelaira, Natália Nunes, José Tengarrinha, Vasco Vieira de Almeida, Maria Lamas e Carlos Correia Gago. Inclui uma carta de José Gomes Ferreira na qualidade de Presidente da Associação Portuguesa de Escritores, e declarações de Natália Correia em julgamento. Vide índice nas fotografias. 89 páginas. Formato “fósforo”: 11,5 x 24 cm. Capa manuseada. Bom estado geral. Colecção Panfleto, n.º1, da Editorial Futura, Lisboa, 1974.

Invulgar.

Preço: 18 euros.


%d bloggers like this: