O HOMEM ROUCO
As crónicas juntadas foram quase todas publicadas no “Diário de Notícias”, do Rio, e a seguir na “Folha da Noite”, de S. Paulo, “Folha da Tarde”, de Pôrto Alegre, e “Diário da Noite”, do Recife. As outras saíram no suplemento literário do “Diário Carioca”, e mais no “Correio Paulistano”, “Revista do Globo”, de Pôrto Alegre, e “Jornal do Comércio”, do Recife. Tôdas foram escritas entre abril de 1948 e julho de 1949; estão arrumadas em ordem cronológica. A selecção foi feita pelo autor, com ajuda de Fernando Sabino.
Crónicas. 2.ª edição. Capa de José Medeiros («Image»). 191 páginas. 14 x 21 cm. Capa com pequenos defeitos. Assinatura de posse no pé da página de guarda. Rio de Janeiro: Editôra do Autor, 1963.
Preço: 12 euros.


A BORBOLETA AMARELA
As crónicas deste livro foram todas publicadas, entre Janeiro de 1950 e dezembro de 1952, no “Correio da Manhã”, do Rio, e em vários jornais dos Estados.
Crónicas. 3.ª edição. 214 páginas. 14 x 21 cm. Lombada amarelecida e com vincos. Assinatura de posse no pé da página de guarda. Rio de Janeiro: Editôra do Autor, 1963.
Preço: 15 euros.


AI DE TI, COPACABANA!
As crónicas deste livro foram escritas de abril de 1955 a fevereiro de 1960. Nesse período o cronista mudou de jornal: do “Correio da Manhã” foi para o “Diário de Notícias” e deste para “O Globo”. Também mudou de revista, saindo de “Manchete” para o “Mundo Ilustrado” e voltando depois para “Manchete”.
Crónicas. 2.ª edição. Capa de Bea Feitler. 222 páginas. 14 x 21 cm. Capa com pequenos defeitos. Assinatura de posse no pé da página de guarda. Rio de Janeiro: Editôra do Autor, 1960.
Preço: 12 euros.



HERBERTO HELDER
POETA OBSCURO


MARIA ESTELA GUEDES


Ensaio, essencialmente centrado em Os Passos em Volta, Cobra e O Corpo O Luxo A Obra. Colecção Margens do Texto n.º 8. Com 242 páginas, e 16 x 23 cm. Capa com ligeiras marcas de uso, miolo limpo. Lisboa: Livraria Moraes Editores, 1979.

Preço: 25 euros.



A OBRA AO RUBRO DE
HERBERTO HELDER


MARIA ESTELA GUEDES


Antologia de 32 anos de ensaios da autora sobre o poeta. Organização de Floriano Martins, capa com imagem de Eduardo Guimaraes. 189 páginas. 14 x 21 cm. Bom exemplar. São Paulo: Escrituras Editora, 2010.

Preço: 25 euros.



ESCRITOS POLÍTICOS

1933 – 1966


MARTIN HEIDEGGER


Tradução de José Pedro Cabrera. Capa de Dorindo Carvalho. Colecção Economia e Política n.º 38. Esgotado. 283 páginas. 16 x 23 cm. Bom exemplar. Lisboa: Instituto Piaget, 1997.

Preço: 15 euros.



A CASA DO DIABO


MAFALDA IVO CRUZ


1.ª edição. Segundo romance da autora. Ler um excerto (páginas 96-106), aqui. Capa de Miguel Imbiriba. 292 páginas. 13,5 x 21 cm. Bom exemplar. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 2000.

Preço: 20 euros.



HÁ VIOLINOS NA TRIBO
28 poemas (Porto, 1987-1989). Primeiro livro do autor. Capa com óleo de Armanda Passos e retrato do autor (na badana) desenhado por Helena Abreu. Com 39 páginas, e 15 x 21 cm. Manuseado. Invulgar. Porto: edição do autor, 1989.
Preço: 30 euros.


3
Poesia 1987-1994. Reunião dos 3 primeiros livros do autor, editados em 1989, 1991 e 1994. Capa com pintura de Edward Hopper. Com 118-(8) páginas, e 13 x 21 cm. Em bom estado. Lisboa: Gótica, 2001.
Preço: 20 euros.


RÉS-DO-CHÃO
Leça da Palmeira 1995-2002. Capa com pintura de Edward Hopper. Com 49-(5) páginas, 13 x 21 cm, e em bom estado. Lisboa: Gótica, 2003.
Preço: 25 euros.


LUZ ÚLTIMA
Poesia. Poemas escritos entre Outubro de 2001 e Junho de 2005, em Leça da Palmeira, Vila Nova de Gaia e Torre da Medronheira. Tiragem de 600 exemplares. Bom exemplar. Lisboa: Livros Cotovia, 2006.
Preço: 25 euros.



T. S. ELIOT


LEONARD UNGER


Ensaio biobiliográfico. Colecção Escritores Norte Americanos, n.º IX. Tradução de Anna Maria Martins. 80 páginas. 11,5 x 16 cm. Manuseado. São Paulo: Livraria Martins Editora, 1963.

Preço: 7 euros.



THE COCKTAIL PARTY

A COMEDY

T. S. ELIOT


4.ª impressão (a primeira revista), seis meses após a primeira. Inclui a pauta musical de «One-eyed Riley», e o elenco original da peça. 166+(5) páginas. 14,5 x 22,5 cm. Encadernação editorial em tela verde, com sobrecapa com pequenos defeitos e amarelecida. Exemplar interessante. London: Faber and Faber, 1950.

Em conjunto com:

THE MAKING OF A PLAY. T. S. Eliot’s “The Cocktail Party”, de E. Martin Browne. Trata-se do texto da Judith Wilson Lecture na Universidade de Cambridge, 4 de Março de 1966, da autoria do director da primeira produção da peça no Festival de Edinburgo de 1949, e que já tinha acompanhado a criação da peça de Eliot do princípio ao fim. 46 páginas. 12,5 x 18,5 cm. Capa com pequenos defeitos. Bom estado geral. Cambridge: University Press, 1966.

Preço (do conjunto): 25 euros.



T. S. ELIOT’S DRAMATIC
THEORY AND PRACTICE

FROM SWEENEY AGONISTES TO THE ELDER STATESMAN


CAROL H. SMITH


Although there have been innumerable studies of T. S. Eliot, this is the first to examine closely the relationship between the changes and developments in his dramatic practice and his artistic and intellectual development. Professor Smith finds Eliot’s dramatic theory and practice rooted in his conception of the need for order in religion and art. […] Eliot’s interest in the jazz rhythms and popular appeal of the English music hall, in the mythical method of Yeats and Joyce, and in the work of the Cambridge School of Classical Anthropology, which traced the origins of Greek drama back to the primitive ritual drama, is examined as the basis of his dramatic ideals and intentions. [da badana]


Ensaio. Encadernação editorial, tela com sobrecapa em bom estado geral, com muito ligeiras perdas de papel nas extremidades. Com ix-251 páginas e 14,5 x 22 cm. Bom exemplar. New Jersey: Princeton University Press, 1963.

Preço: 15 euros.



ASSASSÍNIO NA CATEDRAL

(MURDER IN THE CATHEDRAL)

T. S. ELIOT


Tradução e posfácio de José Blanc de Portugal. Primeira edição da peça: 1935. Com 132 páginas e 14 x 20,5 cm. Bom estado. Colecção Theatrum Mundi n.º 1, Lisboa: Delfos, [1960].

Em conjunto com: Murder in the Cathedral, 3.ª ed., 17.ª reimpr., encadernação editorial em tela vermelha, sem sobrecapa. 8 páginas. 13,5 x 21 cm. Bom estado. London: Faber and Faber, 1950.

E ainda: Notes on T. S. Eliot’s Murder in the Cathedral, da colecção Study-Aid Series, 40 páginas, 14 x 21,5 cm, London: Methuen, 1965.

Preço (do conjunto): 20 euros.



A POESIA DE T. S. ELIOT


JOSÉ PALLA E CARMO


*Capítulo de um estudo inédito acerca da moderna poesia de língua inglesa, no qual se baseou a conferência proferida em 17 de Fevereiro de 1959 no Centro Nacional de Cultura sob o mesmo título. São do autor as traduções incluídas neste estudo, feitas na época da sua elaboração, quando não antes. Acerca de outras traduções e bibliografia portuguesa em geral, remete-se o leitor para o artigo de Carlos Estorninho «Portugal e T. S. Eliot» (Diário de Lisboa, 21 de Janeiro de 1965).


Separata dos n.ºs 24, 25 e 26 de O Tempo e o Modo. 47 páginas. 16 x 23 cm. Bom estado. Edição do autor, Lisboa, 1965.

Preço: 10 euros.



The New Poetic: Yeats to Eliot, de C. K .Stead.
Ensaio. Livro de bolso (11 x 18 cm), de 201 páginas. Manuseado. Com assinatura de posse, e sublinhados e notas de José Palla e Carmo em cerca de 1/4 do livro. London: Penguin, 1967.
Preço: 6 euros.


Poetry of this Age 1908-1958, de J. M. Cohen.
Livro de bolso (11 x 18 cm), de 262 páginas. Usado. Colecção Grey Arrow G24, London: Arrow Books, [1960?].
Preço: 5 euros.


Crisis in English Poetry 1880-1940, de Vivian de Sola Pinto.
2.ª ed., encadernação editorial em tela com sobrecapa bem conservada. 231 páginas. 12,5 x 19 cm. Miolo com picos de oxidação. Capítulos «T. S. Eliot» [pp. 158-186] e «After Eliot» [pp. 187-208]. London: Hutchinson’s University Library, 1955.
Preço: 8 euros.


The Concise Cambridge History of English Literature, de George Sampson.
2.ª edição, com um novo capítulo de R. C. Churchill, «The Age of T. S. Eliot». Encadernação editorial em tela com sobrecapa, bem conservadas. Miolo limpo. Selo de biblioteca pessoal no pé da lombada e ex-libris de anterior proprietário. Bom exemplar. 1071 páginas. 14 x 20 cm. Cambridge: University Press, 1965.
Preço: 10 euros.