ALMADA NEGREIROS, 1.ª edição, 1924

[10Jan18]


PIERROT E ARLEQUIM,

PERSONAGENS DE TEATRO
Ensaios de dialogo seguidos de commentarios

JOSÉ DE ALMADA NEGREIROS


Peça originalmente publicada no primeiro número da revista Athena, dirigida por Fernando Pessoa, em Outubro de 1924, o mês anterior a esta edição. «Embora muitas vezes considerado como uma obra de teatro, Pierrot e Arlequim foi anunciado como conferência, «da série Harmonia», pelo Diário de Lisboa (7 e 12 de fevereiro e 9 de outubro de 1924).» [modernismo.pt]

Desenhos de Almada incluídos: um autoretrato, dois figurinos, um desenho allusivo e o motivo da capa.

Primeira edição em livro. 68+(2) páginas, a penúltima delas anunciando a publicação para breve da peça Portugal (trez actos), o que não chegou a acontecer. 13 x 19 cm. Lisboa: Portugalia Editora, [Nov.] 1924.

Exemplar encadernado em sintético (encadernação sóbria e sólida, em excelente estado de conservação), com a capa anterior mas não a posterior, aparado (perdeu as pequenas badanas, não impressas), e com duas faltas de papel: uma no canto inferior interior da página de rosto, a outra no canto inferior interior da última página, a 68, este fazendo desaparecer para sempre, do fundo da página 67, as duas últimas letras da palavra “grandes” bem como toda a palavra “asas”… [clique nas fotografias supra]. Miolo muito limpo, em excelente estado de conservação, tal como os quatro desenhos e a capa. Com ex-libris distinto, de anterior proprietário. No geral, um exemplar muito interessante — onde as virtudes compensam os defeitos — de uma obra essencial da bibliografia do artista.

Raro.

Preço: 150 euros.