POETAS HÚNGAROS

ANTOLOGIA


Organização, prefácio e notas de
ZOLTÁN RÓZSA


Poetas representados: Géza Páskándi, Sándor Csoóri, Ferenc Juhász, Lászlo Nagy, János Pilinski, Sandór Weores, Miklós Radnóti, Amy Károlyi, Zoltán Zelk, Attila József, Gyula Illiyés, Lájos Kassák, Endre Ady, Dezso Kosztolányi, Milán Fust, Miháli Babits, Gyula Juhász, Sándor Petofi e János Arany.

Traduções de Teresa Balté, Fiama Hasse Pais Brandão, Yvette K. Centeno, José Gomes Ferreira, Egito Gonçalves, Zóltan Rózsa, Pedro Tamen, António Torrado, José Blanc de Portugal, Vasco Graça Moura e Nelson R. Ascher.

Título original: Magyar Koltok. Capa de Vitoriano Martins, sobre uma pintura original de Pál Ferenc, representando a Árvore da Vida junto com uma figura simbólica da Poesia. Plano gráfico de Edviges Espada. 212 páginas. 20 x 21 cm. Capa amarelecida e com manchas. Miolo limpo. Colecção Canto Universal, da Moraes Editores, Lisboa, 1983.

Preço: 17 euros.



UMA LUZ DIFERENTE


JOHN MONTAGUE


Seminário de tradução colectiva (Casa de Mateus, Setembro de 1991), com a participação de: Fernando Pinto do Amaral, João Barrento, António Manuel Pires Cabral, Egito Gonçalves, Fernando Guimarães, Maria de Lourdes Guimarães, Fernando J. B. Martinho, José Blanc de Portugal, Wanda Ramos, Laureano Silveira e Pedro Tamen; revista, completada e apresentada por Fernando J. B. Martinho. 60+(4) páginas.  19 x 13,1 cm. Bom estado. Colecção Poetas em Mateus, Lisboa: Quetzal Editores, 1993.

Preço: 12 euros.


Pedro TAMEN

[12Nov20]


O SANGUE, A ÁGUA E O VINHO

POEMA EM TRÊS CÂNTICOS

PEDRO TAMEN


Capa e arranjo gráfico de José Escada. Com a sobrecapa original da colecção, de plástico transparente. Colocado por anterior proprietário, um recorte de um artigo do jornal A Capital, de 18 de Novembro de 1976, sobre Pedro Tamen, da autoria de Joaquim Manuel Magalhães.

Brochado. 60 páginas. 15,5 x 20 cm. Colecção Círculo de Poesia n.º 2, da Livraria Morais Editora, Lisboa, 1958.

Preço: 35 euros.



POEMAS A ISTO


PEDRO TAMEN


Capa e arranjo gráfico de José Escada. Com a sobrecapa original da colecção, de plástico transparente. 49 páginas. 15,5 x 20 cm. Colecção Círculo de Poesia n.º 20, da Livraria Morais Editora, Lisboa, 1962.

Preço: 35 euros.



ESCRITO DE MEMÓRIA


PEDRO TAMEN


Primeira edição. Colecção Círculo de Poesia, n.º 56. Com um pequeno carimbo de biblioteca no rosto, e restos de selo de biblioteca na capa e contracapa, visível na fotografia supra. 60 páginas. 15 x 20 cm. Miolo limpo. Exemplar razoável. Lisboa: Moraes Editores, 1973.

Preço: 15 euros.



20 ANOS DA COLECÇÃO CÍRCULO DE POESIA

20 ANOS DE POESIA PORTUGUESA


Organização, prefácio e notas de
PEDRO TAMEN


Edição comemorativa dos 20 anos da Colecção Círculo de Poesia. Capa e plano gráfico de Luiz Duran e Julietta Matos sobre maquete original da colecção de José Escada. Tiragem de 3000 exemplares. 357 páginas. 14,5 x 20 cm. Colecção Círculo de Poesia, n.º 79. Lisboa: Moraes Editores, 1977.

Assinado com dedicatória de Pedro Tamen para Nuno Bragança.

Capa com uma mancha de água muito visível, que no interior só toca a primeira página e, muito ligeiramente, a seguinte, onde figura o autógrafo. Miolo limpo.

Apesar do mau estado da capa um exemplar único, pelo simbolismo da dedicatória entre duas personalidades que percorreram, com alguma proximidade, partes significativas dos respectivos percursos literários.

Preço: 22 euros.



OS QUARENTA E DOIS SONETOS


PEDRO TAMEN


«Os quarenta e dois sonetos que constituem este livro foram escritos, pela ordem por que seguidamente se publicam, entre 12 de Outubro de 1972 e 12 de Abril de 1973.»

Colecção Horizonte de Poesia, n.º 2. Com um selo da livraria A Erva Daninha, no Porto. 52 páginas. 12,5 x 18,5 cm. Lisboa: Livros Horizonte, 1973.

Preço: 30 euros.



DEPOIS DE VER


PEDRO TAMEN


Poemas na proximidade de obras artísticas de Graça Morais, Júlio, João Nunes, João Moniz, Maria Gabriel, António Conceição Júnior, Manuel Valente Alves, Eduardo Chilida, José de Guimarães, João Cutileiro, Carlos Pinto Coelho, Paul Klee, Júlio Pomar, Catarina Rocha, Isidoro Augusto, Alvim, Emília Nadal, Catarina Castel-Branco, Giorgio Morandi, Lourdes Castro, Albrecht Dürer, Pedro Chorão, Mónica Baldaque, Martha Telles, Manuel Amado, Rubens, Cruz Filipe, e outros.

Design de Rogério Petinga. Papel couché. 69+(3) páginas. 24,8 x 24,3 cm. Encadernação editorial gravada a seco, com sobrecapa com pequenos defeitos (marcas marginais de bicho de papel). Lisboa: Quetzal Editores, 1995.

Preço: 17 euros.



ISTO ANDA TUDO LIGADO


EDUARDO GUERRA CARNEIRO


Dividido em duas partes: «Jardim de alguns objectos e coisas reais», poemas, pp. 9-21, e «Isto anda tudo ligado», textos curtos, pp. 23-73.

Brochado. Com 73+(7) páginas, e 18 x 11 cm, cantos redondos. Muito bom estado de conservação, sem defeitos. Cadernos Peninsulares n.º 1, Janeiro de 1970, pelo editor José Antunes Ribeiro, da Ulmeiro.

Preço: 22 euros.



A POESIA DEVE SER FEITA POR TODOS


CARLOS LOURES


«Três pequenos livros distintos»: Ainda a voz, poemas, pp. 9-36, «parte dos quais contemporâneos dos que integravam A Voz e O Sangue», 1961-1967;  Os Mercenários do Pão, poema-guião, pp. 37-54, a partir de uma página de Vicente Blasco Ibañez, 1964; e A Poesia deve ser feita por todos, ensaio-colagem, pp. 55-84, uma montagem de artigos publicados no “Suplemento Literário” do Jornal de Notícias, com substanciais alterações, 1965-1967.

[«O facto relativamente insólito de num mesmo volume coexistirem três pequenos livros distintos» justifica uma nota final do autor, pp. 85-87.]

Apreendido pela PIDE, entre outras desgraças. 88 páginas. 18 x 11 cm. Cantos redondos. Com defeitos: mancha de água na capa (leve) e no miolo, junto à margem lateral exterior (não toca o texto). Manuseado. Razoável. Cadernos Peninsulares n.º 2, Lisboa, Fevereiro de 1970.

Preço: 10 euros.



A ARTE MODERNA


JOSEPH-EMILE MULLER


Um ensaio que procura «aprofundar a significação da arte moderna e abordá-la, não apenas como fenómeno específico, mas integrado na sociedade do nosso tempo», abragendo um período que, «partindo do impressionismo, vai até às mais recentes produções dos informalistas» [cits. contracapa].

Tradução de Ruy Belo. Capa de A. Dias. Prefácio do autor (Janeiro de 1963). Ilustrado com extra-textos em couché. 175 páginas. 18,5 x 11,5 cm. Bom estado. N.º 7 da colecção Perspectivas. Lisboa: Editorial Presença, 1964.

Preço: 13 euros.



[5 catálogos e 1 conferência, 1956-1994]

NIKIAS SKAPINAKIS


EXPOSIÇÃO DE
NIKIAS SKAPINAKIS
Catálogo da exposição de óleos e guaches na Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa, 1956. Com um texto introdutório do artista, lista de obras e preços de venda. Tiragem de 250 exemplares. 4 páginas. Não ilustrado. 22 x 16,5 cm. Raro.

INACTUALIDADE DA ARTE MODERNA
NIKIAS SKAPINAKIS
Conferência realizada no 1.º Salão de Arte Moderna da Sociedade Nacional de Belas Artes, em Outubro de 1958, com a nota de que o texto «foi parcialmente publicado no suplemento literário do jornal O Comércio do Porto». 37 páginas. 19,5 x 12 cm. Capa cansada, com manchas e marcas superficiais de bicho do papel, junto à margem inferior. Miolo limpo, salvo pequena rubrica de posse na primeira página, datada de 1959. Lisboa: Seara Nova, 1958.

NA GALERIA ZEN
NIKIAS SKAPINAKIS
Catálogo da exposição de óleos, guaches e serigrafias na Galeria Zen, Porto, Maio de 1977. Inclui um texto de Fernando de Azevedo sobre o pintor, escrito para a exposição. Lista de obras, e medidas. Não ilustrado. 4 páginas + capa. 24,5 x 17 cm.

PINTURA E DESENHO 1985-1986
NIKIAS SKAPINAKIS
Catálogo da exposição de pintura (óleo) e desenho, 36 obras no total. Na Galeria 111, Maio-Junho 1986. Desdobrável [24 x 17 / 24 x 42,5 – aberto]. Capa com a reprodução de A Catarata de Keisai (II), n.º 22 do catálogo. Inclui lista de obras e medidas. Bom estado.

AS NATUREZAS METAFÍSICAS
NIKIAS SKAPINAKIS
Catálogo da exposição de pintura e desenho «As Naturezas Metafísicas», de Nikias Skapinakis, que teve lugar na Cooperativa Árvore, em Dezembro de 1991. Montagem da exposição de Laura Soutinho, e design do catálogo de Humberto Nelson. Tiragem de 500 exemplares. Com 31,5 x 24,5 cm e 8 páginas. Contém um texto de Nikias Skapinakis, em português e inglês, reprodução de cinco pinturas e catálogo das obras presentes (título, ano e medidas).
Seguindo-se às Paisagens do Vale dos Reis e às Paisagens Internas, que se desenvolveram ao longo dos anos 80, as Naturezas Metafísicas introduziram algumas modificações, mais ou menos profundas, relativamente àquelas séries.
O sentido de paisagem que tinha identificado os quadros do Vale dos Reis e que nas Paisagens Internas se associou a uma concepção de natureza morta, desapareceu nas “naturezas” recentes, favorecendo o reaparecimento de uma figuração destituída de realismo. (…)

CARTAZES
NIKIAS SKAPINAKIS
Catálogo da exposição de pintura «Cartazes», de Nikias Skapinakis, que teve lugar na Galeria Quadrum, em Maio de 1994. Inclui o postal de publicidade à exposição, com uma imagem de uma pintura não reproduzida no catálogo. Tiragem de 500 exemplares. Com 30 x 21 cm e 14 páginas. Contém um texto de José-Augusto França, em português e inglês, reprodução de quatro pinturas (duas de página inteira) e catálogo das obras presentes (título, ano e medidas).


 

Preço do conjunto: 50 euros.