A TRAGÉDIA DA RUA DAS FLORES


EÇA DE QUEIROZ


Álbum ilustrado com dezenas de gravuras e desenhos “de época”, no texto, extraídos de incontáveis obras da literatura popular europeia de final de séc. XIX-início do século XX, à melhor maneira de José Vilhena. Termina com uma série de fotografias, de página inteira, de Lisboa há 40 anos, dando a ver os cenários do romance à data da edição. Brochado. 128+(32) páginas. 32 x 23 cm. Bom estado. Lisboa: Edições Branco e Negro, 1980.

Preço: 20 euros.


 


PRIMEIRO DE MAIO


EÇA DE QUEIROZ


Ilustrações de João Abel Manta. Edição de um ensaio de Eça de Queirós na Gazeta de Notícias, Rio de Janeiro, n.º 170, 19 de Junho de 1892, cuja primeira página é reproduzida no final da brochura, em fac-simile. 18 páginas. 29 x 21 cm. Bom estado. Lisboa: O Jornal, 1979.

Preço: 18 euros.


 


OBRAS DE EÇA DE QUEIROZ


Vol. 1 — O Crime do Padre Amaro — A Cidade e as Serras — Prosas Bárbaras — Contos — O Primo Basílio — A Ilustre Casa de Ramires — O Mandarim — A Relíquia.

Vol. 2 — Os Maias — Cartas de Inglaterra — Últimas Páginas — As Minas de Salomão — Correspondência de Fradique Mendes — Ecos de Paris — Cartas Familiares — Notas Contemporâneas.

Vol. 3 — A Capital — O Conde de Abranhos — Alves & C.ª — Correspondência — O Egipto — Cartas Inéditas de Fradique Mendes — Uma Campanha Alegre — O Mistério da Estrada de Sintra — Eça de Queirós entre os seus.

Em cada volume, algumas ilustrações a cor, em extra-texto couché. Mais de 5000 páginas, em papel bíblia (1676, 1656 e 1698). Com 19,2 x 12,5 (x 14) cm. Encadernações editoriais em pele, gravadas a ouro. Bom estado geral. Porto: Lello & Irmão, 1966.

Preço: 125 euros.


 


CONTOS


EÇA DE QUEIROZ


Inclui os contos: «Singularidades de uma rapariga loira», «Um poeta lírico», «No moinho», «Civilização», «O tesoiro», «Frei Genebro», «Adão e Eva no Paraíso», «A aia», «O defunto», «José Matias», «A perfeição» e «O suave milagre».

4.ª edição. Encadernação sintética em muito bom estado de conservação. Com capas de brochura. Miolo aparado, raras manchas. Bom exemplar. 332 páginas. 18 x 11,5 cm. Porto: Livraria Chardron, de Lello & Irmão, 1918.

Preço: 17 euros.


 


A CORRESPONDÊNCIA DE FRADIQUE MENDES

(MEMÓRIAS E NOTAS)

EÇA DE QUEIROZ


4.ª edição. Encadernado sem capas de brochura, com esparsas marcas de desgaste na lombada em pele. Miolo aparado, com manchas ocasionais. Exemplar satisfatório. 268 páginas. 18 x 11,5 cm. Porto: Livraria Chardron, de Lello & Irmão, 1915.

Preço: 12 euros.


 


DO OUTRO LADO

CANÇONETA CÓMICA

ALFREDO DE MORAES PINTO
(PAN-TARANTULA)


Ilustrações de Rafael Bordalo Pinheiro, catorze (14) no texto e duas (2) nas capas: desenho da capa “continua” na contracapa, e a frente e o verso do livro estão trocados, de acordo com o título. Mais detalhe aqui.

16 páginas. 18,5 x 12 cm. Impresso na Typographia Elzeviriana. Miolo limpo. Capas com manchas leves junto às margens. Em bom estado geral, pese embora as capas quase soltas, mantidas pela linha de cosedura em dois pontos. Lisboa: Tavares Cardoso & Irmão, 1885.

Preço: 60 euros.



CANÇÕES DA TARDE


BULHÃO PATO


Exemplar com assinatura de posse, na folha de rosto, de José Maria Barbosa de Magalhães, ilustre aveirense (1879-1959), um dos autores da Constituição de 1911, ministro na Primeira República, bastonário da Ordem dos Advogados na década de 30 e membro da Comissão Directiva do MUD, na década de 40.

Brinde aos Senhores Assignantes do Diário de Notícias. Data na capa difere da data no rosto (1866). Livro de poemas que inclui versos a José Estevão, mas também à cantora Lotti, ambos complementados com alguns parágrafos de notas evocativas.

Capa com nota manuscrita “2.º brinde”. Encadernação com a lombada em pele, sóbria e estimada, em muito bom estado de conservação. Miolo apenas aparado à cabeça, carminado, conserva capas de brochura. 108+(4) páginas. 18,5 x 12,3 cm. Conjunto invulgar. Lisboa: na Typographia Universal de Thomaz Quintino Antunes, 1867.

Preço: 45 euros.