NÃO HÁ RENDAS BAIXAS, HÁ RENDAS ESPECULATIVAS — 1971

[29Abr21]


NÃO HÁ RENDAS BAIXAS, HÁ RENDAS ESPECULATIVAS

É IMPOSSÍVEL O AUMENTO DE RENDAS


M. ROQUE LAIA


O preço das rendas das casas, tal como o do pão, dos transportes colectivos, têm de ter em conta a capacidade económica do público utente, ou seja, neste caso, a dos arrendatários. [p. 29]

Autoria de Mariano Roque Laia, advogado de causas difíceis em tempos cinzentos. Ilustrado nas capas com fotografias de reportagem de O Século Ilustrado, 3 de Julho de 1971. Na capa e no rosto figura o símbolo da AIL para o cooperativismo habitacional, sob o lema «um lar para cada família».

41+(3) páginas. 26 x 18,5 cm. Capa com alguns picos de oxidação concentrados junto a uma das margens. Bom estado geral. Impresso na Empresa Gráfica Casa Portuguesa. Edição do autor patrocinada pelas Associações dos Inquilinos Lisbonenses e do Norte de Portugal, Lisboa, 1971.

Preço: 14 euros.