LAWRENCE FERLINGHETTI — Como Eu Costumava Dizer — 1972

[26Dez21]


COMO EU COSTUMAVA DIZER


LAWRENCE FERLINGHETTI


Selecção, tradução e nota biográfica inicial de José Palla e Carmo. Poemas extraídos dos livros Pictures of the Gone World, A Coney Island of the Mind, Oral Messages, Starting from San Francisco, The Secret Meaning of Things.

Com dedicatória invulgar [do tradutor] na página de rosto, datada de 29 de Janeiro de 1972, e algumas gralhas no miolo corrigidas pelo mesmo punho.

Capa de Fernando Felgueiras. Orientação gráfica de António Cortês Pinto. Fotografia de Beth Bagby. Brochado. 108 páginas. 18 x 11 cm. Ligeiro desgaste nas arestas da lombada. Mínimas marcas de manuseio. Miolo sem manchas. No geral, um bom exemplar, com particularidades únicas. Colecção Cadernos de Poesia Dom Quixote n.º 22. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1972.

Preço: 30 euros.


 

%d bloggers like this: