Raul BRANDÃO — com dedicatória de Luiz Pacheco

[14Jun22]


O GEBO E A SOMBRA

DRAMA

RAUL BRANDÃO


Com dedicatória de Luiz Pacheco na primeira página («Homenagem respeitosa do editor»), e algumas gralhas corrigidas a lápis, pelo próprio, no miolo.

A inclusão desta obra na Colecção Teatro no Bolso só foi possível devido à gentileza da direcção do Teatro Avenida. Contraponto agradece muito reconhecidamente a D. Maria Angelina Brandão, ao Dr. Luís da Câmara Reys e ao empresário Giuseppe Bastos a colaboração aqui prestada. [nota do editor]

Com um prefácio de Câmara Reys, e uma estampa de José Tagarro, hors-texte couché a par do início do prefácio. Brochado. 80,[1] páginas. 17 x 11,5 cm. Manuseado e com pequenos defeitos exteriores. Mantém-se bom exemplar, pela invulgaridade da dedicatória. Colecção Teatro no Bolso, volume 9. Lisboa: Contraponto, [s.d.]

em conjunto com:

O GEBO E A SOMBRA, de RAUL BRANDÃO.
A empresa Teatro Avenida, Laura Alves em colaboração com Giuseppe Bastos, apresenta a nova companhia do Teatro de Sempre, sob a direcção artística de Gino Saviotti, na temporada 1958/59.
Brochura da precisa representação que originou a edição da Contraponto. Com dois textos de Gino Saviotti, um sobre o autor e outro sobre a encenação. 12 páginas. 23,5 x 15,8 cm. Ilustrada com fotografias do elenco, o retrato de Raul Brandão por José Tagarro e publicidade a um produto cosmético na última página. Tiragem de 500 exemplares em 5 de Dezembro de 1958.

Conjunto raro.

Preço: 35 euros.


 

%d bloggers like this: