ALGARVE


A. H. STUART


Capa e desenhos, no texto, de Maria Keil. Com 32 páginas fotográficas, extra-texto. Texto escrito em 1941. Edição em língua inglesa, termina com um apêndice de useful words and phrases. 72+[32] páginas. 17,5 x 12,3 cm.  Pequeno selo de biblioteca pessoal a um canto da capa. No geral, um bom exemplar. Lisboa: Edições S.N.I., [s.d.].

Preço: 14 euros.


 


NO GARLIC IN THE SOUP

A PORTUGUESE ADVENTURE

LEONARD WIBBERLEY


Viagem. Um olhar estrangeiro sobre Portugal, no final dos anos 50: as aventuras de uma família anglo-saxónica (casal e quatro filhos) que se muda para Portugal, sem conhecer nada do país, cultura ou língua. Non-fiction.

Primeira edição inglesa. Sobrecapa sob desenho de David Knight, com pequenas falhas marginais, em estado satisfatório. Encadernação editorial em tela. Miolo com pequenos pontos de oxidação no corte das folhas. 189+(5) páginas. Um exemplar interessante. London: Faber and Faber, 1960.

Preço: 24 euros.


 


ECHOS DE PARIZ


EÇA DE QUEIROZ


Terceira edição. Ver índice dos assuntos (). Com 227+(3) páginas. 18,5 x 11,5 cm. Encadernação inteira, sintética, sóbria, em bom estado. Miolo aparado. Com capas de brochura. Bom exemplar. Porto: Livraria Chardron, de Lello & Irmão, 1920.

Preço: 15 euros.


 


CORRESPONDÊNCIA CONSULAR


EÇA DE QUEIRÓS


Edição de Alan Freeland. Tradução de José Moura Carvalho. Ilustrado com alguns fac-símiles, e um retrato do autor, em papel couché, extra-texto. Inclui índice analítico. Com [2]+LXII+[8]+198+(4) páginas. 23 x 16 cm. Bom estado. Lisboa: Edições Cosmos, 1994.

Preço: 22 euros.


 


O SERVIÇO SOCIAL PENITENCIÁRIO


FERNANDO RODRIGUES LEITÃO


Assinado pelo autor com dedicatória de amizade. Segundo a nota inicial, um livro (também) pensado para a actualização dos serviços prisionais do Ultramar — e que inclui análise breve de alguns casos estrangeiros (Bélgica, França, Alemanha, Inglaterra, E.U.A., Espanha e Países Escandinavos) e de directrizes contemporâneas da Igreja Católica.

Brochado. 110+(2) páginas. 20,8 x 15,2 cm. Capa com pequenos defeitos. Miolo limpo. Impressão pobre. Estado geral satisfatório. Composto e impresso nas Oficinas Gráficas do Colégio dos Orfãos, Porto, 1964.

Preço: 15 euros.


 


O ROMANCE CONTEMPORÂNEO


Um ciclo de conferências consagrado ao Romance contemporâneo, por iniciativa da Sociedade Portuguesa de Escritores, com o patrocínio da Fundação Calouste Gulbenkian, pronunciadas em Lisboa, Porto e Coimbra, no ano de 1960.

Com ensaios de VITORINO NEMÉSIO («Romance, existência e visão do mundo»), PAULO QUINTELA («O romance alemão contemporâneo»), MARIA DE LOURDES BELCHIOR PONTES («Do romance espanhol contemporâneo»), URBANO TAVARES RODRIGUES («O romance francês contemporâneo»), J. MONTEIRO-GRILLO («O moderno romance inglês»), VIEIRA DE ALMEIDA («Do romance italiano contemporâneo»), JOSÉ PALLA E CARMO («O romance norte-americano contemporâneo») e ANTÓNIO QUADROS («O romance brasileiro actual»).

Brochado. 191+(9) páginas, por abrir. Formato largo: 26 x 19,5 cm. Bom estado geral. Lisboa: Sociedade Portuguesa de Escritores, 1964.

Preço: 15 euros.


 


INDÚSTRIA E IMPÉRIO


E. J. HOBSBAWM


Título original: Industry and Empire. Tradução de Ana Falcão Bastos e Luís Leitão. Em 2 volumes, de 248 + 276 páginas, e 18 x 11,5 (x 3,2) cm, números 63 e 64 da Biblioteca de Ciências Humanas da Editorial Presença, Lisboa, 1978.

Em conjunto com:

Ler História, revista quadrimestral, n.º 4 (1985), direcção de Miriam Halpern Pereira, edição de A Regra do Jogo Edições, 192 páginas, 23,5 x 17 cm, com uma entrevista a Eric J. Hobsbawm por A. Costa Pinto e José Manuel Sobral (pp. 127 a 136).

Os dois volumes e a revista: em bom estado geral.

Preço (do conjunto): 15 euros.


A Revolução Industrial, marco fundamental nas transformações históricas dos últimos 200 anos, coincide por breve período com a história de um único país, a Grã-Bretanha. Esta obra descreve documentadamente a ascenção da Inglaterra como primeira potência industrial, o seu declínio dessa posição de vanguarda, as suas específicas relações com o resto do mundo (particularmente no que se refere aos países subdesenvolvidos) e os efeitos conjugados de todos estes aspectos no seu reflexo sobre a vida do povo inglês. [da contracapa]

 


RICARDO III

DRAMA HISTÓRICO EM CINCO ACTOS

WILLIAM SHAKESPEARE


Prefácio de Vieira de Almeida. Volume das Obras de William Shakespeare, editadas pela Lello, nas traduções de D. Luiz de Bragança. Encadernação editorial sintética, com gravação nas pastas visível na fotografia. Papel superior, sem manchas. Mantêm capas de brochura. Bom estado. De 266 páginas e 25,5 x 19 cm. Porto: Lello & Irmão, 1956.

Preço: 25 euros.


 


ODES


KEATS


Inclui as odes “a uma urna grega”, “à melancolia”, “à indolência”, “ao Outono” e “a um rouxinol”.

Tradução e prefácio-ensaio (págs. 11-26) de Fernando Guimarães.

Assinado pelo tradutor com dedicatória a Jorge Listopad, autor da capa. Número 2 da colecção Origem (primeiro título foi de Listopad), da Livraria Sousa & Almeida, Porto, [Julho de] 1960. Com 47+(9) páginas, e 19,3 x 12,5 cm. Com uma fotografia da máscara mortuária de Keats. Exemplar estimado.

Preço: 22 euros.