A COMEDIA DE LISBOA


D. JOÃO DE CASTRO


Aventuras, Fantasias e Impressões d’um Forasteiro. Aspectos Modernos d’uma Cidade Antiga. Figuras e Figurilhas. Factos e Costumes.

Comedia Mundana / Comedia Amorosa / Comedia Politica / Comedia Litteraria / Comedia Artistica

Capa de Alfredo Moraes. 428 páginas. 12 x 19 cm. Bom exemplar. Lisboa: Sociedade Editora Portugal-Brasil, [1918].

Preço: 15 euros.



A COMEDIA DE LISBOA


GERVÁSIO LOBATO


Prólogo de Pinheiro Chagas. Encadernação sintética da época, sem páginas de guarda nem capa de brochura (abre directamente no ante-rosto, rabiscado, visível na primeira fotografia). 302 páginas. 11,5 x 18 cm. Manuseado. Porto: Ernesto Chardron, 1878.

Preço: 7 euros.



HOMENS DO MEU TEMPO

IMPRESSÕES PSYCHOPATHOLOGICAS.
NOTAS INEDITAS E DADOS BIBLIOGRAPHICOS.

JOÃO PAULO FREIRE
(MÁRIO)


[Razão da obra]
Foi a «pneumonica» que deu origem a êstes apontamentos.

Muito fraco, depois de um mês de cama. e de ter estado com pé e meio «do lado de lá» (…)

Memórias e impressões, escritas em 1918 mas apenas publicadas em 1924, de diversas “personalidades” da época:

Adelino Mendes, Agostinho Fortes, Alberto Pimentel, Alberto Souza, Albino de Souza Cruz, Alfredo Serrano, Álvaro Neves, D. António Barroso, Augusto José Vieira, Azedo Gneco, Bartolomeu Constantino, Bernardino Machado, Conde de Pinheiro Domingues, Cruz Magalhães, Domingos Pinto Coelho, Estevão de Vasconcelos, Faustino da Fonseca, Garibaldi Falcão, Hermano Neves, Henrique Marques Júnior, Jaime Victor, João Franco Monteiro, João Lage, João de Vasconcelos e Sá (D. Tancredo), José Constante, José Maria Ançã, Júlio Dantas, Oldemiro César, Raposo de Oliveira, Tomás Joaquim de Almeida, Visconde de Morais, Zeferino de Oliveira e Zuzarte de Mendonça.

1.º volume. 1.º milhar. Em brochura. 272 páginas. 19 x 12,3 cm. Bom estado geral (preço antigo escrito a lápis na capa). Lisboa: Livraria Civilisação, [1924].

Preço: 22 euros.