DIREITO SAGRADO


ODETTE DE SAINT-MAURICE


Como uma sombra, presença apagada, sem viço, ela penetrou furtiva no aposento mergulhado em obscuridade, deslizou através dos móveis e quedou junto da pequena mesa em cima da qual o telefone mais se adivinhava do que via. As mãos estenderam-se para o aparelho, tatearam-no como se o afagassem e depois, repelindo-o, largaram-no.
Deixou-se cair pesadamente, ela, a mulher que parecia uma sombra, sobre a grande poltrona mais próxima e aí se enovelou, sumida e enroscada como se pretendesse desaparecer entre os braços acolhedores desse conforto material. [início do romance]

Primeira edição. Colecção das Raparigas Cultas. 310 páginas. 12 x 19 cm. Manuseado. Lisboa: Livrolândia, 1954.

Preço: 15 euros.



IDADE PERIGOSA


ODETTE DE SAINT-MAURICE


Romance. Primeira edição em livro. 223 páginas. 12 cm x 19 cm. Usado, e com uma data manuscrita coeva, no verso da capa.
Lisboa: Livrolandia, 1954.

Segundo o prólogo da autora,
«é uma história branca, leve, desenhando a traços doces um perfil de rapariga muito nova na esteira dum género que ultimamente tenho cultivado pouco. Não são páginas sem finalidade, aliás. Têm-na, e com o fundo de honestidade que sempre caracteriza quanto escrevo. Isso mesmo força-me a consentir na sua publicação, após os numerosíssimos pedidos que para tal recebi quando o romance foi dado a lume em folhetim, há anos, numa revista feminina. […] E eis a Idade Perigosa, rosinha de toucar entre as rosas vermelhas de tantos problemas muito sérios que tenho procurado focar. Há-de ser lida com um sorriso enternecido, apenas.»

Preço: 15 euros.


odette-janelas


CASA SEM JANELAS


ODETTE DE SAINT-MAURICE


Não, não, mil vezes não e sempre não! Em definitivo, em inabalável querer, resolução ponderada e revista, feita de análises e subtraída de estudos concretos, posso afirmar alto e bom som o convencimento absoluto da minha vontade própria. Eu não me caso! Eu Não Me Caso!!! 
Casar… ah, ah ah!… Para quê?

Primeira edição. Colecção das Raparigas Cultas. 152 páginas. 12,5 cm x 19 cm. Com uma falta de papel junto ao pé da lombada, visível na fotografia. Manuseado.
Lisboa: Empresa Literária Universal, 1948.

Preço: 5 euros.


odette-dedicacao


DEDICAÇÃO


ODETTE DE SAINT-MAURICE


O vestido de Maria Helena, uma beleza de vestido, um vestido que era um sonho, uma maravilha, um vestido que parecia feito pelas fadas e destinado à Gata Borralheira noiva do príncepe (é certo que, a seu ver, a Maria Helena merecia-o mais que todas as gatas borralheiras do mundo) encontrava-se ali posto em cima da cama da irmã, acabadinho de chegar da modista famosa.

Romance. Primeira edição. Colecção das Raparigas Cultas. Capa assinada «Resende». 349 páginas. 12 cm x 19 cm. Muito bom estado de conservação, embora com uma assinatura de posse na primeira página de texto.
Lisboa: Livrolandia, 1952.

Preço: 15 euros.



SE A VIDA DISSESSE QUE SIM


ODETTE DE SAINT-MAURICE


Romance. Colecção Feminina n.º 13. Com 160 páginas e 12 x 18,2 cm. Bom estado. Lisboa: União Gráfica, [1966].

Capa com desenho de Júlio Gil (identificado pelo Almanaque Silva).

Preço: 12 euros.


odette-amanha


AMANHÃ COMO SERÁ?


ODETTE DE SAINT-MAURICE


Quando Cristiano, pálido de emoção, reabriu os olhos, sentindo-se finalmente a rolar na pista, prestes a saltar em terra, suspirou fundo, cheio de alegria, cheio de alívio. Ei-lo finalmente quase a alcançar a tão almejada felicidade, a poder cingir nos braços essa a quem tanto amava, essa que lhe pertencia de direito e de facto e a quem durante tão pouco tempo conseguira chamar sua.

Colecção Gôndola n.º 8. Com 217 páginas e 11 cm x 17,5 cm. Bom estado.
Lisboa: Editorial Presença, [1965?].

Preço: 8 euros.


odette-voltar


VOLTAR AO PASSADO


ODETTE DE SAINT-MAURICE


…Encontrar as horas que se foram, agarrar nos dias que vivi, recuperar o tempo que desperdicei e, principalmente, encontrar-me, conhecer-me, saber ao certo o que desejava e para onde ia, desviando os passos do caminho que me trouxe até onde estou — encruzilhada tremenda sem orientação, sem nenhuma seta providencial a ensinr-me o trajecto melhor, desviado de atalhos!

Colecção Gôndola n.º 7. Com 250 páginas, e 11 cm x 17,5 cm. Usado.
Lisboa: Editorial Presença, [s.d.].

Preço: 8 euros.


odette-quinta


QUINTA DE S. BOAVENTURA


ODETTE DE SAINT-MAURICE


O pai julgou que ela estava a dizer aquilo por gracejo. Mas olhou-a de relance e viu-a tão séria que não acrescentou mais nada. Percebeu que ela apenas dissera uma verdade, uma verdade tão simples que não havia comentários a fazer… a não ser que se embrenhassem numa longa conversa, numa dessas longas conversas que era agora tão raro ele poder ter com a filha, com os filhos, na sua vida super-ocupada de homem trabalhador e útil. E fazem falta, aos pais, essas conversas. Talvez ainda mais aos pais do que aos filhos. 

Capa de F.C.E. Colecção Gôndola Juvenil n.º 4. Com 347 páginas, e 11 cm x 17,5 cm. Bom estado.
Lisboa: Editorial Presença, [1967].

Preço: 8 euros.



ROSAS VERMELHAS PARA ADÉLIA

e outras peças radiofónicas


ODETTE DE SAINT-MAURICE


Colecção de quatro peças de teatro radiofónico: Rosas Vermelhas para AdéliaAs Duas Faces do AmorNinicheA Bruxa da Fraga da Banda do Mar. 1.ª edição. Contracapa com a fotografia da autora, por Homem Cardoso, e excerto de apreciação de Luiz Francisco Rebello. Colecção Repertório da Sociedade Portuguesa de Autores, 2.ª Série, n.º 18. Com 100 páginas e 12 x 17,7 cm. Muito bom estado de conservação. Lisboa: SPA, 1993.

Preço: 15 euros.



MEMÓRIAS DE UM EX-MORFINÓMANO. (Reportagem vivida nos mistérios dos alcalóides). Vol. I (único publicado). Muito invulgar primeira edição, pois em óptimo estado de conservação. Miolo limpo, salvo pequena assinatura de posse na página de rosto. Capa assinada «M. Guimarães XXXIII». 215 páginas. 12,8 x 17,9 cm. Porto: Marânus, 1933.
Preço: 50 euros.

AMOR SEM AMOR. (Novelas). Primeira edição. Colecção Obras Completas do Repórter X, vol. I. [p. 11, À “laia” de prólogo: «Todo o segredo desta colecção editorial das Obras Completas do Repórter X assenta nesta melancólica pena de não ver reunida à minha volta, os entes queridos do meu sangue literário. É uma arrumadela; uma recolha; uma metotisução — a primeira da minha vida e imposta pela minh’alma.»]. Desenho da capa assinado R. Nunes. Seis novelas, algumas das quais anteriormente publicadas em Espanha. 211 páginas. 11 x 17,5 cm. Bom estado de conservação. Porto: Matos & Oliveira, 1929.
CEMITÉRIO DA GLÓRIA E DA SAUDADE. (Crónicas). Primeira edição. Colecção Obras Completas do Repórter X, vol. II. Crónicas memoráveis, sobre Rudolfo Valentino, Sarah Bernhardt, Isadora Duncan, Homem Christo, personagens anónimas de anúncios classificados, obituários, palhaços, gémeas siamesas, actores, (…). 211 páginas. 11 x 17,5 cm. Bom estado de conservação. Porto: Matos & Oliveira, 1929.
Preço (conjunto do Vol.I e Vol. II das Obras Completas): 50 euros.

CINCO MIL FRANCOS POR MÊS. (Novela). Primeira edição. Capa de Jorge Barradas. Com pequenas falhas de papel na lombada. Manuseado. Frágil. 96 páginas. 12,7 x 19,3 cm. Lisboa: Empresa do Diário de Notícias, 1926.
Preço: 18 euros.


Coristas, 1941

[06Fev17]

cori1

cori4


CORISTAS

Comédia em 3 Actos

ARMANDO VIEIRA PINTO


O autor [Viana do Castelo, 1906 – Lisboa, 1964] foi jornalista, dramaturgo, letrista de fado, argumentista, realizador.

Antecede a peça com um prefácio sobre o processo de escrita de teatro, o público e a crítica. Segue-se a lista das personagens e actores que as representaram na noite de estreia a 27 de Março de 1942, no Teatro Nacional D. Maria II.

Exemplar com assinatura de posse, a lápis, datada, do humorista José Sesinando, que sublinhou a seguinte passagem do prefácio (pág. 7):

Para que de uma obra risonha possam tirar-se conclusões sérias, são necessários um certo poder de raciocínio imediato e um profundo sentido do humor. Nem uma nem outra destas qualidades, infelizmente, são peculiares ao nosso público.

Na (colecção) Biblioteca Teatral “Teatro do Povo”. Desenho da capa não assinado. 173 páginas. 13 x 18,5 cm. Bom estado. Porto: Livraria Tavares Martins, 1941.

Preço: 18 euros.



CANCIONEIRO ALENTEJANO


VICTOR SANTOS (org.)


Autores inclusos: Jovita de Carvalho, João Pedro F. de Andrade, Ana Maria Cardigos, M. Dias Nunes, F. Vaz Monteiro de Goes du Bocage, Elvira Monteiro, Joaquim Augusto Salgado, Manuel José Fernandes, I. Farrita, Garcia de Resende, Bernardim Ribeiro, Cristóvão Falcão, José Agostinho de Macedo, Curvo Semedo, José Duro, Américo Durão, Conde de Monsaraz, Mário Beirão, Hernâni Cidade, Domingos Rosado, José Libânio, Celestino David, Silva Tavares, João Risonho, Azinhal Abelho, Francisco Ventura, Félix Ventura, Manuel Ançã, Augusto Sousa Zuzarte, José de Almeida, Silveira Fernandes, Guerreiro da Cunha, Florbela Espanca, Elisa Toscano Batalha, Alice do Rosário Garcia, Esmeralda Santos, Virgínia Madeira, Mercedes Blasco, Olinda Lavínia dos Santos Aníbal, Fernanda Santos, Maria de Jesus Mateus, Mariana Mendes Palma, Lygia, Maria de Santa Isabel, Déti, Teresa de Carvalho, Maria do Céu, José Cordovil, José Cutileiro, Mário Florival, Padre Lopes Manso, Silva Palma, Joaquim Lança, B. de Oliveira, Victor Mendes, Silva Parracho, Arlindo Caldeira, Bento Caeiro, António Arriscado Nunes, Pereira Trindade, Elizardo, Leiria Dias, João Caixeiro, Francisco Pereira de Sousa, Amado de Aguilar, Andrade Gomes, Américo Paiva, Luís Alves Martins, Augusto de Sousa Maldonado, António Sardinha, Henrique Silva, Solitário, Edmundo Belfonte, F. A. de Oliveira Galamba, Manuel Subtil, João Job, José da Rocha, Flávio, João M. Calado, Oliveira Charrua, Manuel Morais, Belo de Morais, A. Viana Batista, Braancamp de Baraona Fragoso, Joaquim Costa, Saúl Horácio Ventura, Manuel Arraia, João Camilo, D. C., Um filho de Beja, Eugénio Vieira e Ramiro da Fonseca!

Com prefácio de HERNÂNI CIDADE. Comentário, recolha e notas de Victor Santos. Capa desenhada por António Duarte. Com algumas pautas musicais. xvi-233 páginas. 16 x 22,6 cm. Edição especial do Grémio Alentejano, Lisboa, 1938. Em bom estado.

Preço: 65 euros.


Pohl: JEM

[02Fev17]


JEM

A CONSTRUÇÃO DE UMA UTOPIA


FREDERIK POHL


Jem is a novel dealing with three of the great themes of SF: first contact with intelligent alien species, planetary disaster, and future politics – the political ideal of utopia for one thing, but also the Machiavellian politics of power-blocs, balance of power, “brinkmanship,” and imperialism. [Richard D. Erlich]

Capa de José Eduardo Rocha. Título original: JEM. The Making of a Utopia. Tradução de Maria de Lurdes Medeiros. 315 páginas. 15 x 21 cm. Excelente estado de conservação. Encadernação editorial em tela azul, com sobrecapa. Lisboa: Gradiva, 1986.

Preço: 15 euros.



A CIDADE E OS HOMENS
e outros poemas


EDUARDO VALENTE DA FONSECA


Das primeiras obras publicadas por Eduardo Valente da Fonseca [Aveiro, 1928-2003]. Autografado pelo autor com dedicatória ao autor da capa, Rui Filipe. Excelente estado de conservação. 126 páginas. 13 x 18 cm. Porto: edição do autor, 1956 (composto e impresso na Tipografia do Carvalhido, distribuído pela Livraria Aviz). Invulgar.

Preço: 35 euros.


c6 c2 c1
ck
c5 c3 c4


O PALÁCIO DA RELAÇÃO E CADEIA DO PORTO


MARIA JOSÉ MOUTINHO SANTOS
MARGARIDA SANTOS COELHO


Direcção gráfica de João Machado. Ilustrado com fotografias, desenhos e mapas. 232-VIII páginas. 24,5 x 31,5 cm. Álbum cartonado, com sobrecapa, acondicionado em caixa de cartão com recorte e grafismo representando as paredes e barras da cadeia.
Bom estado de conservação.

Preço: 40 euros.


Victor Palla, 1946

[08Fev14]

palla1

palla2 palla3 palla4


A MORTE VEIO DE MADRUGADA


MARIA ARCHER


Curiosa capa de VICTOR PALLA para um invulgar romance policial de Maria Archer. Lombada cansada. 223 páginas. 15,5 x 22 cm. Coimbra: Coimbra Editora, 1946.

Preço: 8 euros.




A CERA DAS ABELHAS NO ULTRAMAR PORTUGUÊS

SUGESTÕES PARA A SUA VALORIZAÇÃO COMERCIAL
E INDUSTRIALIZAÇÃO LOCAL

VASCO CORREIA PAIXÃO


Entende o autor, com efeito, não estar bem visto o aspecto tecnológico das ceras de abelhas no Ultramar português e, consequentemente, achar-se mal equacionado o problema que envolve a sua preparação, comércio e industrialização; ao ler os alvitres de quantos se debruçaram já sobre o assunto — com características comuns, aliás, à generalidade das zonas de clima quente, mormente do continente africano — fica-se com a impressão que eles ignoram toda a série de operações incluídas na arte do cerieiro, entendida esta desde a lagaragem das ramas até ao fabrico de obras com a matéria-prima resultante das mesmas.

Ilustrado com fotografias e desenhos, e algumas tabelas desdobráveis. 131 páginas. 16 x 23,5 cm. Lisboa: Edição do Autor, 1965.

Preço: 15 euros.



LA VITA DELL’APE

E L’APICOLTURA RAZIONALE INTENSIVA:

COME SI CONDUCE UN APIARIO AD ALTO RENDIMENTO
(GUIDA PRATICA)

BENIAMIMO CHRISTILLIN


Pequeno livro de bolso, por um reputado membro do Concelho Científico do Museu Internacional de Apicultura. Ilustrado com fotografias e desenhos. 48 páginas. 12 x 17 cm. Capa texturada. Torino: Industriale e Riva, 1931.

Preço: 10 euros.



HISTÓRIAS DE CORDEL
E UMA ADVERTÊNCIA


SANTANA QUINTINHA


Histórias de bairro, faca e alguidar, onde figuram o Carlinhos dos Funerais, o Penteadinho, o Cospe Fino, o Papo-Seco, a Carlota da Facada, ou o Mão-de-Ferro, «indivíduo de olhar torvo e maus instintos, uma espécie de assassino na disponibilidade».

Capa de Bernardo Marques. 203 páginas (maioria por abrir). 12,5 x 19 cm. Assinatura de posse no ante-rosto. Bom exemplar. Lisboa: Portugália Editora, [1950?].

Preço: 15 euros.



A SOJA

SUA CULTURA E USOS


ARTUR CASTILHO


Capa assinada «Ribeiro». Ilustrado. 15 páginas. 14 x 20 cm. Em excelente estado de conservação. Colecção Campanha da Produção Agrícola, série B, n.º 17. Serviço editorial da Repartição de Estudos, Informação e Propaganda do Ministério da Economia / Direcção Geral dos Serviços Agrícolas, 1942.

Preço: 10 euros.


lins1


RIACHO DOCE


JOSÉ LINS DO REGO


1.ª edição. Rio de Janeiro: Livraria José Olympio Editora, 1939.

Brochado. 372 páginas. 12,5 x 19 cm. Com uma belíssima capa do pintor Santa Rosa. Em bom estado de conservação, salvo alguns pontos de oxidação num reduzido número de páginas.

Em conjunto com: Cadernos de Divulgação Luso-Brasileira, n.º 10, dedicado a José Lins do Rego, da autoria de Victor Santos. Exemplar assinado pelo autor com dedicatória. 14 páginas, 13 x 18,5 cm, Lisboa, Livraria Portugal, s. d.

Preço: 25 euros.


lins3

lins5

lins6


ejanvelho


DEBRUÇADO SOBRE O EVANGELHO

Comentários

PADRE ALBERTO DA ROCHA MARTINS


Escritor, orador e jornalista, director-fundador do Jornal de Barcelos, o Padre Alberto da Rocha Martins (1917-1995) nasceu em Braga, mas viveu a maior parte da sua vida em Barcelos, cidade da qual recebeu o título de Cidadão-Honorário, em 1979, no mesmo ano em que o Papa João Paulo II o elevou a Monsenhor. Debruçado sobre o Evangelho foi o primeiro livro que publicou.

Exemplar autografado pelo autor com dedicatória a Hernâni Cidade, «com muita simpatia pelo seu talento». Capa de Gonçalves Torres. 224 páginas (maioria por abrir). 15,5 x 21,5 cm. 1.ª edição, Barcelos, 1953.

Preço: 15 euros.



HISTORIA SAGRADA DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTO
E HISTORIA ECCLESIASTICA


Um manual (anónimo) para uso na catequese, com lições, perguntas, respostas e resumos. 445 páginas. 15 x 20,5 cm. Capa com algumas falhas de papel. Lisboa: Typographia «Verde», 1883.

Preço: 10 euros.



A MORTE DUM CAIXEIRO VIAJANTE

algumas conversas particulares em dois actos e um «requiem»

ARTHUR MILLER


Título original: Death of a Salesmen. 4.ª edição. Nota inicial e versão portuguesa de JOSÉ CARDOSO PIRES e VICTOR PALLA. Capa de Figueiredo Sobral. Ilustrado com fotografias extra-texto de uma representação da peça pelo Teatro Experimental do Porto (TEP). 188 páginas. 11 x 16 cm. N.º 8 da Colecção Três Abelhas, das Publicações Europa-América, Lisboa, 1963.

Preço: 8 euros.



OS VINTE ANOS DE ROSA


LUÍSA ALCOTT


Título original: Rose in Bloom. Adaptação de M. F. [Manuel de Azevedo Fialho]. Capa e ilustrações de Figueiredo Sobral. 239 páginas. 12,5 x 19 cm. N.º 35 da colecção Biblioteca das Raparigas, da Portugália Editora, Lisboa, [s.d.], mas anterior a 1964, data da 2.ª edição.

Preço: 10 euros.



CHORA, TERRA BEM AMADA!


ALAN PATON


Título original: Cry, Beloved Country. Tradução de A. dos Santos Matias. N.º 16 da colecção Século XX, Lisboa: Publicações Europa-América, Junho de 1958. Brochado. 412 páginas. 14,5 x 18,5 cm. Capa de Figueiredo Sobral.

Preço: 10 euros.



SEMENTES DO TERÇO


DOMINGOS CARVALHO


Contos. Capa e ilustrações de Figueiredo Sobral. 120 páginas. 12 x 19 cm. Assinatura de posse da escritora Hortense de Almeida. Lisboa: edição do autor, 1956.

Preço: 12 euros.



9 NOVELAS DE ANTECIPAÇÃO AMERICANAS


Contos de Howard Fast, Robert P. Mills, John Anthony, Isaac Asimov, Theodore Sturgeon, Clifford D. Simack, Frederic Brown, Bertram Chandler, Algis Budrys. Tradução de Rafael Alberty. Capa de Miguel Flávio, com um vinco no canto inferior direito. 172 páginas. 11,5 x 18,5 cm. Lisboa: Estúdios Cor, 1964.

Preço: 10 euros.


CAVALO1

CAVALO2

CAVALO3

Horace McCoy, MAS NÃO SE MATA CAVALO? [título original: They shoot horses, don’t they?], tradução de Erico Veríssimo, Porto Alegre: Livraria do Glôbo, 1947. /// Sobrecapa policromada assinada «Z&L Haap 47», capa com uma gravura a preto e branco assinada «K.», bastante distintas uma da outra. /// 204 páginas. 11,5 x 18,5 cm. Exemplar razoável, com falhas de papel na sobrecapa. /// Preço: 10 euros.

4k1

Beaumarchais, EL BARBERO DE SEVILLA, [sem indicação de tradutor nem data de edição], Colecccion Diamante n.º 62, Barcelona, Antonio Lopez Editor. /// Capa com desenho de Blanco Coris. /// 190 páginas. 10 x 16 cm. Com alguns apontamentos a lápis de anterior proprietário. Algumas falhas de papel na capa. /// Preço: 2 euros.

4k2

Victor Hugo, O ÚLTIMO DIA DUM CONDENADO acompanhado da linda novela CLAUDIO GUEUX, Colecção Ouro n.º V, Lisboa: Livraria Barateira, [s.d.]. /// Capa com desenho de Alfredo Moraes. /// 95 páginas. 14 x 19,5 cm. Exemplar cansado. /// Preço: 2 euros.

editoraPAX

A. Rego Cabral, HORA DE ESPERANÇA, Braga: Sociedade de Expansão Cultural, 1975. /// Comentário político, crónicas do pós-25 de Abril, relação com outras «horas de mudança» da política nacional (1128, 1386, 1580, 1640). /// Brochado. 250 páginas (maioria por abrir). 13 x 19,5 cm. /// Preço: 5 euros.

Camilo na TV

[30Maio09]

Hoje no EXPRESSO, na sua coluna «Ao Pé da Letra», António Guerreiro destaca uma nova abordagem da Difel ao universo de Camilo, mais próxima do “modelo telenovela”.

Nada que se compare àquele Eça de há 25 anos (erotismo nórdico meets praia de Albufeira), ou mesmo a um Camilo de 1979, relançado com sobrecapa pela Parceria A. M. Pereira:

camilo1

camilo2