HÁ VIDA NA CHARNECA

NARRATIVAS ALENTEJANAS

HORÁCIO NOGUEIRA


Conserva cinta original desta edição, com a frase lapidar de Gaspar Simões («…um livro que vale a pena ler»). Nas badanas, críticas de Gaspar Simões, Pequito Rebelo, Virgílio Godinho e Ferreira da Silva.

Contos. 2.ª edição. Capa com desenho do padre José Dias Heitor. 208+(4) páginas. 19,5 x 12,5 cm. Lombada com dois vincos de leitura. Miolo limpo. Composto e impresso na Tipografia Semedo, em Castelo Branco, em edição do autor, 1957.

Preço: 17 euros.