VILARINHO DA FURNA

UMA ALDEIA COMUNITÁRIA


JORGE DIAS


Reedição de um estudo seminal, «reprodução fac-similada da 1.ª edição de Vilarinho da Furna publicada pelo Centro de Estudos de Etnologia Peninsular do Instituto para a Alta Cultura — 1948.»

Nota preliminar e prefácio de Orlando Ribeiro. Cancioneiro de Margot Dias. Desenhos de Fernando Galhano. Ilustrado com fotografias, desenhos e mapas.

2.ª edição (nesta editora). Brochado. 307-(13) páginas. 24 x 15 cm. Bom estado. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 1983.

Preço: 24 euros.


 


O TRAJO DO ARQUIPÉLAGO DA MADEIRA


VISCONDE DO PORTO DA CRUZ


«Os homens conservam os fatos de serguilha a que adicionaram já o casaco da mesma fazenda, para os dias festivos, o barrete de lã com orelhas ou o chapéu preto redondo e com abas largas. (…) Algumas mulheres dos campos, mais próximos da cidade ou das grandes vilas da Madeira, já usam mantilhas de renda escura para a missa ou para as festas, tendo abandonado os lenços, os chailes e a bota-chã

Opúsculo ilustrado a preto, no texto, e com uma estampa colorida em extra-texto: «florista madeirense com o trajo regional». [2]-15-(1) páginas. 23 x 16 cm. Bom estado. Impresso em Aveiro. Edição do Autor, 1954.

Preço: 17 euros.


 


ACTAS DO 1.º CONGRESSO DE ETNOGRAFIA E FOLCLORE


BRAGA
22 A 25 DE JUNHO DE 1956


Actas do congresso organizado pela Junta de Acção Social (integrada no Plano de Formação Social e Corporativa) e promovido pela Câmara Municipal de Braga, de 22 a 25 de Junho de 1956.

Colaboração de Fernando de Castro Pires de Lima, Augusto Pires de Lima, Gustavo Barroso, Américo Pires de Lima, António de Almeida, Sebastião Pessanha, Celestino Maia, Luís Chaves, Hugo Rocha, Abel Viana, Leando Quintas Neves, Jaime Lopes Dias, Guilherme Felgueiras, José Osório de Oliveira, Manuel Rodrigues Simões Júnior, Jorge Dias, José Redinha, Ezequiel de Campos, Arnaldo Pinheiro Torres, Luís de Pina, Ernesto Veiga de Oliveira, Rebelo Bonito, António de Sousa Machado, Raul de Miranda, Nuno Catharino Cardoso, Afonso do Paço, Fernado Castel-Branco, e muitos outros.

A variedade temática impressiona:

Teatro popular, música popular, traje regional, brinquedos, poesia, festas religiosas, medicina popular, danças, procissões, literatura popular, fala infantil, jogos de cartas, folclore africano, pescadores, bruxaria, santos populares, magia, batráquios, canções da apanha da azeitona, romarias, adagiários (…) etc.

Obra completa em 3 volumes, brochados, com 452, 428 e 464 páginas, ilustrados, 23 x 16 (x 7) cm. Bom estado. Lisboa: «Biblioteca Social e Corporativa», 1963.

Preço: 60 euros.