natalia-surrealismo


O SURREALISMO NA POESIA PORTUGUESA


Organização, Prefácio e Notas de
NATÁLIA CORREIA


Inclui excertos de José de Almada Negreiros, Alexandre O’Neill, Vespeira, David Mourão-Ferreira, Florbela Espanca, Herberto Helder, António José Forte, Mário de Sá-Carneiro, Fernando Pessoa, Raul Leal, Raul Brandão, Camilo Pessanha, Maria Alberta Menéres, António Maria Lisboa, João Rui de Sousa, Isabel Meyrelles, Ana Hatherly, José Sebag, Manuel de Castro, Maria Teresa Horta, José Carlos Ary dos Santos, Dórdio Guimarães, Natércia Freire, Cruzeiro Seixas, Carlos de Oliveira, António Domingues, Salette Tavares, Eugénio de Andrade, Mário Cesariny, Mário Henrique Leiria, António Aragão, António Ramos Rosa, Vitorino Nemésio, Tomás de Figueiredo, Saul Dias, António Navarro, Carlos Queirós, António Pedro, José Blanc de Portugal, Jorge de Sena, Raul de Carvalho, José Régio, José Gomes Ferreira, Luiza Neto Jorge, António Barahona da Fonseca, Afonso Duarte, Teixeira de Pascoaes, Ângelo de Lima, Eugénio de Castro, Henrique Tavares, Fernando Lemos, Pedro Oom, José Manuel Pressler, Paula Almada Negreiros, Fernando Grade, Carlos Wallenstein, Alfredo Margarido, Carlos Eurico da Costa, Fernando Alves dos Santos, Henrique Risques Pereira, Mário Saa, Edmundo de Bettencourt, António Nobre, Cesário Verde, Francisco de Pina e Melo, Correia Garção, Dinis da Cruz, Tomás António Gonzaga, Bocage, Curvo Semedo, António Feliciano de Castilho, Faustino Xavier de Novais, Soares de Passos, Antero de Quental, Gomes Leal, Guerra Junqueiro, Francisco de Vasconcelos, Pinto Brandão, Soros Maria do Céu, Soror Mariana Alcoforado, Gregório de Matos, Jerónimo Bahia, António Serrão de Castro, António Barbosa de Bacelar, Soror Violante do Céu, Jacinto Freire de Andrade, Camões, Bandarra, Cristovão Falcão, Bernardim Ribeiro, Gil Vicente, Diogo Brandão, João Airas e o jogral Mendinho.

Primeira Edição. 418+(6) páginas. 13 x 18,5 cm. Colecção Estudos e Documentos, n.º 81, Série Antologias, Lisboa: Publicações Europa-América, 1973. Manuseado.

Preço: 25 euros.


Jean-Paul SARTRE

[03Nov10]


Revista L’ARC n.º 30 (1966)


Número especial dedicado a JEAN-PAUL SARTRE


Com textos de J.M.G. Le Clézio («Un homme exemplaire»), Jean Paul Sartre («Saint Georges le dragon», sobre Tintoretto), Raymond Bellour («Homme pour homme»), Michel Antoine Burnier («Un combat politique»), Robert Castel («Un beau risque»), Pierre Trotignon, («Le dernier métaphysicien»), Christine Glucksmann («L’origine de la littérature»), Raymond Jean («La parole poétique»), Jean Jacques Brochier («Les Huns et les autres») e um encarte de Georges Gurvitch (o estudo crítico «Dialectique et Sociologie selon J.-P. Sartre»).

L’ARC Revue Trimestrielle, Aix-en-Provence, 1966 (4.º Trimestre). 2.ª edição. Número concebido e dirigido por Bernard Pingaud. 102 páginas. Ilustrado. 18 x 23 cm.

Preço: 12 euros.



KEAN


JEAN-PAUL SARTRE


Uma peça originalmente escrita por ALEXANDRE DUMAS, aqui na versão de Jean-Paul Sartre. 2.ª edição. Tradução de Fernando Midões. Capa de Alves Martins. 197 páginas. 12 x 19 cm. Lisboa: Editorial Presença, [s.d.].

Preço: 10 euros.


putain


LA PUTAIN RESPECTEUSE


JEAN-PAUL SARTRE


Peça em um acto e dois quadros. Bom exemplar da tiragem vulgar da primeira edição, muito limpo e sólido. 164-(3) páginas. 12 x 19 cm. Paris: Editions Nagel, 1946.

Preço: 10 euros.



AS ESTÁTUAS VOLANTES


JEAN-PAUL SARTRE


Prefácio de Lionel de Roulet, discípulo e amigo de Sartre, que sugeriu o título para esta tradução portuguesa. Título Original: La Chambre. Tradução de ADOLFO CASAIS MONTEIRO. 70 páginas. 12,5 x 18,5 cm. Colecção Novelas “Inquérito” n.º 26. Lisboa: Editorial Inquérito, 1941.

Preço: 7 euros.



AS MÃOS SUJAS


JEAN-PAUL SARTRE


Teatro. Capa do pintor António Domingues. Tradução de António Coimbra Martins. Título original: Les Mains Sales (visado pela censura). 152 páginas. 11 x 16 cm. Número 28 da colecção Três Abelhas. Lisboa: Europa-América, 1960.

Preço: 10 euros.



MORTOS SEM SEPULTURA


JEAN-PAUL SARTRE


Teatro. 2.ª edição. Título original: Morts sans Sepulture. Tradução de Francisco da Conceição. Capa de A. Dias. 166 páginas (por abrir). 12 x 19 cm. Óptimo estado.

Preço: 5 euros.