SENA DA SILVA
60 ANOS DE OFÍCIOS

Riscos, sustos, entusiasmos, êxitos e insucessos


EDUARDO CALVET DE MAGALHÃES (org.)


Livro editado por ocasião da Exposição/Homenagem a António Sena da Silva, inserida na I Bienal Internacional de Design de Mobiliário – Mobilis 2000, realizada no edifício do parque de exposições de Paços de Ferreira (17 a 30 de Setembro de 2000):

«Os textos e as imagens de este livro só por acaso aparecem ordenados em termos cronológicos ou por critérios muito discutíveis de sequências temáticas. Com excepção da referência ao dia da morte de Le Corbusier e ao do nascimento de Sena da Silva, a maioria dos dados cronológicos têm — quando muito — uma aproximação de décadas. Os projectos apresentados não correspondem a uma selecção dos “melhores”, em termos de “perícia projectual” ou de significação social: foram aqueles que pudemos encontrar em rolos de papel amarelecido semi-devorados por insectos capazes de se interessarem por alimentos tão pouco apetecíveis como o papel vegetal ou heliográfico.»
[nota na ficha técnica]

Álbum brochado e muito ilustrado, sobre a obra multímoda de um autor (1926-2001) notável: design de equipamento, design editorial, publicidade, arquitectura, pintura, fotografia. Inclui textos de Sena da Silva e Leonor Senna, mas também depoimentos, biografia e currículo. Sem índice.
Prefácio, selecção de textos e anotações de Eduardo Calvet de Magalhães. Organização da Cooperativa Árvore. 19 x 29,5 cm. 174 páginas. Paços de Ferreira: Câmara Municipal de Paços de Ferreira, 2000.

Com curiosa e extensa dedicatória autógrafa de Sena da Silva (1926-2001) que orla toda a página de rosto.

Preço: 45 euros.



LE VOYAGE EN GRÈCE

Cahiers Périodiques N.º 11 (1939)


Uma raridade bibliográfica. Trata-se do último número de Le Voyage en Grèce, uma revista que durou apenas 11 números, entre 1934 e 1939 (mais um extra, em 1946), e que contou com colaborações de Le Corbusier, Pablo Picasso, Georges Braque, André Derain, Henri Matisse, Georges Bataille, Roger Caillois, Giorgio de Chirico, Jean Cocteau, Fernand Léger, Jacques Prévert, Michel Leiris, François Mauriac, Raymond Queneau, Pierre Reverdy, Marguerite Yourcenar, e muitos outros.

Inicialmente pensada como um projecto editorial de vocação turística pelo seu editor e criador, Héraclès Joannidès (1897-1950), director da Société Neptos em Paris, para distribuição a bordo dos cruzeiros que organizava ao seu país natal, criando uma «ligação entre a Grécia e os seus viajantes por intermédio dos escritores, dos artistas e dos sábios contemporâneos», cedo transcendeu este âmbito inicial para se tornar um local de encontro inovador entre o classicismo grego e a vanguarda europeia, ao nível da imprensa periódica literária e artística, e um objecto (tipo)gráfico de um luxo único na época. Para tal, Joannidés recebeu preciosos conselhos do célebre editor Tériade, ambos gregos, ambos radicados em Paris. A história está muito bem contada aqui e aqui.

LE VOYAGE EN GRÈCE, n.º 11, Paris, Été 1939. Édités par H. Joannidès. /// Número essencialmente dedicado à Arquitectura tradicional grega. Capa reproduz um fragmento de uma pintura de Théophilos. Com uma estampa extra-texto do mesmo pintor (vide fotografia). 28+(4) páginas. 22 x 27,5 cm. /// Colaboração literária de Le Corbusier, Roger Avermaete, R. Allendy, Jean-Germain Tricot, André Fraigneau, Pierre Borel, R. Th. Bosshard, Evrot, Henri Focillon, Jules Formigé, Fernand Léger, Camille Mauclair, Mario Meunier, E. Pontremoli, Louis Roussel, Pierre Sonrel, André Thérive e Charles Vildrac. Desenhos de Le Corbusier e F. M. Salvat. Fotografias de Panos Dzelepis, L. Frantzis, Herbert List, Eli Lotar, Nellys, Roger Nicolle e J.-G. Tricoglou. Realização artística de André Fraigneau, J.-G. Tricot e Roger Vitrac. /// Em bom estado, salvo pequena mancha num canto da capa, visível numa das fotografias.

Preço: 35 euros.