O TERCEIRO OUVIDO


CURT SIODMAK


Título original: The Third Ear [ver ficha de João Vagos]. Tradução de Eurico da Fonseca. Capa de Lima de Freitas. Colecção Argonauta n.º 187. Com 181+(11) páginas, e 16 x 11 cm. Pequenas marcas de manuseio. Miolo amarelecido. Sólido. Lisboa: Livros do Brasil, [1973].

Preço: 8 euros.



A CIDADE DO CÉU


CURT SIODMAK


Título original: City in the Sky [ver ficha de João Vagos]. Tradução de Maria Emília Ferros Moura. Capa de Lima de Freitas. Colecção Argonauta n.º 222. Com 234+(6) páginas, e 16 x 11 cm. Em bom estado geral, com ligeira perda de cor na lombada. Lisboa: Livros do Brasil, [1975].

Preço: 8 euros.


 


O ABISMO DE CHICAGO


RAY BRADBURY


Inclui os contos, extraídos de The Machineries of Joy (1964): «E assim morreu Riabouchinska…», «O mendigo da ponte», «A morte e a donzela», «Um bando de corvos», «O mundo ideal», «O ganha-pão de Juan Diaz» [com o qual está relacionada a ilustração da capa], «A caminho do abismo de Chicago» e «A corrida do Hino». [Ver ficha de João Vagos, com mais detalhes]. Colecção Argonauta n.º 97.

Tradução de Mário Braga e Maria Isabel Braga. Capa de Lima de Freitas. 147+(13) páginas. 16 x 11 cm. Bom estado geral (lombada amarelecida). Carimbo vermelho “oferta dos editores” a cruzar o rosto. Lisboa: Livros do Brasil, [1965].

Preço: 12 euros.



MUITO DEPOIS DA MEIA-NOITE


RAY BRADBURY


Contos. Título original: Long After Midnight [ver índice dos contos e outros detalhes sobre a obra na ficha de João Vagos, 1 e 2]. Colecção Argonauta n.º 331 e n.º 332.

Obra completa em dois volumes. Tradução de Eurico da Fonseca. Capas de A. Pedro. Com 165+(19) e 180+(12) páginas. 16 x 11 cm. Ambos em bom estado, com mínimas marcas de manuseio nas capas. Lisboa: Livros do Brasil, [1985].

Preço: 15 euros.



AS VOZES DE MARTE

em conjunto com

A ÚLTIMA CIDADE DE MARTE


RAY BRADBURY


Título original: I Sing the Body Electric [ver lista de contos e outros detalhes na ficha de João Vagos, 1 e 2]. Colecção Argonauta n.º 254 e n.º 260.

Traduções de Maria Emília Ferros Moura (254) e Eurico da Fonseca (260). Capas de A. Pedro. Com 174+(18) e 197+(19) páginas. 16 x 11 cm. Em bom estado geral, com mínimas marcas de uso nas capas. Ligeiro vinco de leitura na lombada do n.º 254. Lisboa: Livros do Brasil, [1978 e 1979].

Preço: 15 euros.



O PAÍS DE OUTUBRO


RAY BRADBURY


Título original: The October Country [ver lista de contos na ficha de João Vagos]. Colecção Argonauta n.º 246.

Tradução de Maria Emília Ferros Moura. Capa de Manuel Dias. Com 212+(12) páginas, e 16 x 11 cm. Em bom estado geral, com mínimas marcas de uso na capa. Lisboa: Livros do Brasil, [1978].

Preço: 10 euros.



A ÁRVORE SAGRADA


RAY BRADBURY


Título original: The Halloween Tree [ver lista de contos na ficha de João Vagos, com a reprodução da memorável ilustração da contracapa, espécie de epitáfio desta série de capas, a darem lugar à série prateada, a partir do número seguinte]. Colecção Argonauta n.º 224.

Tradução de Maria Emília Ferros Moura. Capa de Manuel Dias. Com 198+(10) páginas, e 16 x 11 cm. Manuseado. Lombada com manchas. Sólido. Lisboa: Livros do Brasil, [1975].

Preço: 6 euros.



O HOMEM ILUSTRADO


RAY BRADBURY


Tradução de Eurico da Costa. Capa de Cândido Costa Pinto. Título do original norte-americano: The Ilustrated Man [ver ficha de João Vagos, com a lista dos contos incluídos].

262+(10) páginas. 16 x 11 cm. Globalmente amarelecido, e lombada com vincos de leitura, porém sólido e aceitável, pela invulgaridade. Colecção Argonauta n.º 18. Lisboa: Livros do Brasil, [1955].

Preço: 7 euros.



FAHRENHEIT 451


RAY BRADBURY


Tradução de Mário Henrique Leiria. 1.ª edição portuguesa. 1.ª capa de Lima de Freitas para a colecção. O filme estrearia uns anos depois. Colecção Argonauta n.º 33.

182+(10) páginas. 16 x 11 cm. Lombada com defeitos. Capa manuseada. Assinatura de posse no rosto. Sólido. Lisboa: Livros do Brasil, [1958].

Preço: 8 euros.


 


REFEIÇÃO NUA


WILLIAM [SEWARD] BURROUGHS


Título original: The Naked Lunch. Numa das badanas, sobre o autor: «um verdadeiro artista», «grande cidadão da alquimia moderna, da droga e do sub-mundo das alucinações», «o maior visionário dos tempos actuais, o grande aventureiro internacionalista, o escritor sem outra pátria que não seja o próprio universo».

Tradução de Maria Emília Ferros Moura. Capa de Manuel Dias, com um pormenor de uma gravura de Hyeronimous Bosch. Brochado. 263+(7) páginas. 21,1 x 14,3 cm. Capa com mínimos sinais de manuseio. Miolo limpo, sem manchas. Bom exemplar. Edição Livros do Brasil, Lisboa, [s.d.].

Preço: 15 euros.