LA CÉRAMIQUE POPULAIRE
DU HAUT-ALENTEJO


SOLANGE PARVAUX


Estudo aprofundado que documenta diversos artesãos, olarias e processos de fabrico, em Estremoz, Viana do Alentejo, Nisa, São Pedro do Corval, Flor da Rosa (Crato), Redondo, Campomaior, Beringel e Ponte de Sôr. Ilustrado no texto com desenhos, fotografias e mapas, e extra-texto, no final, com 48 lâminas fotográficas.

Brochado. (6)+224+(4)+[48] páginas. 24 x 15,5 cm. Lombada com leve vinco de leitura. Miolo limpo. Bom exemplar. Edição Fondation Calouste Gulbenkian / Publications du Centre Culturel Portugais, Presses Universitaires de France, Paris, 1968.

Preço: 35 euros.


 


A ARQUITECTURA RELIGIOSA DO ALTO ALENTEJO NA SEGUNDA METADE DO SÉCULO XVI E NOS SÉCULOS XVII E XVIII


HUMBERTO REIS
MÁRIO TAVARES CHICÓ


O presente levantamento constituiu a comunicação dos autores ao Colloquium Internacional de Estudos Luso-Brasileiros, realizado em Washington, em 1950.

Álbum brochado, com sobrecapa. Ilustrado a preto, com fotografias, mapas e plantas. Com documentação fotográfica de Mário Novais, Carvalho Henriques, e dos autores. Arranjo gráfico de Armando Alves. Cerca de 352 páginas (inumeradas). 28,2 x 19 cm. Miolo, limpo, em papel couché. Lombada amarelecida e com um vinco de leitura. Bom estado geral.

Edição sob os auspícios do Comissariado para a XVII Exposição Europeia de Arte, Ciência e Cultura, em 1983. Colecção Presenças. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 1982.

Preço: 35 euros.