POESIA OU DINHEIRO ?

Drama em 2 Actos

CAMILO CASTELO BRANCO


2.ª edição, primeira em título próprio. Originalmente publicado no 2.º volume das Cenas Contemporâneas, ed. Silva Teixeira, 1855 (o mesmo Silva Teixeira creditado nesta edição como impressor de Cruz Coutinho). As capas de brochura reciclam papel anteriormente impresso na oficina tipográfica — no caso, capas de uma 4.ª edição da Gramática Franceza de Monteverde, 1857.

Exemplar intonso (20,7 x 13,5 cm), com ligeiros vincos e alguns picos de oxidação, possui ambas as capas e lombada em bom estado. 46 páginas. Porto: Em Casa de Cruz Coutinho – Editor, 1862.

Preço: 75 euros.



PALAVRAS LOUCAS


ALBERTO D’OLIVEIRA


Primeira Edição. Segundo livro do autor. Encadernação sólida, com a lombada em pele, cansada nas arestas e com pequenas falhas, a maior das quais à cabeça da lombada, visível numa das fotografias. Sem capas de brochura. Miolo aparado, maioritariamente limpo, salvo primeiras e últimas páginas (ante-rosto escurecido e rosto manchado). Retrato do autor a par do rosto assinado “[?]. Costa”. Com [2]+viii+273+(7) páginas e 22 x 14 cm. Coimbra: F. França Amado, 1894.

É a obra Palavras Loucas, de 1894, que espoleta todo este movimento que politicamente atribuía à descentralização (através do municipalismo e do regionalismo) o papel fundamental de despertar a Nação. Aí se faz, dentro do mesmo espiríto, o elogio da língua portuguesa e de António Nobre (de quem o autor era amigo íntimo). [DCAP]

No final do volume, o registo de que o exemplar constituiu o lote 1958 do Leilão C. Ferreira Borges, sessão de 5-XII-1930, com uma etiqueta e um recorte da descrição do catálogo, como “Camiliana”.

Preço: 22 euros.