DOZE SONETOS POR VARIAS ACCIONES


D. FRANCISCO MANUEL DE MELO


En la muerte de la Señora Dona Ines de Castro mujer del Princípe Don Pedro de Portugal. Introdução de Raul Rego. Assinado por Raul Rego com dedicatória manuscrita a José Ribeiro dos Santos, colegas de profissão e na resistência à ditadura.

Plaquete graficamente cuidada (capa em relevo e com dourado no título, bom papel, fac-simile limpo). Com XIV+16+(2) páginas. 20 x 14 cm. Bom estado. Invulgar. Lisboa: O Mundo do Livro, Natal de 1960.

Preço: 27 euros.


 


D. PEDRO I
E A SUA ÉPOCA


JOSÉ ESTEVÃO DE MORAES SARMENTO


Um longo ensaio pondo em questão a veracidade histórica da crónica que Fernão Lopes dedicou à vida do rei D. Pedro I. Vide índice completo nas fotografias (↑). Exemplar da tiragem normal. Com a capa anterior (espelhada), mas não a posterior. Miolo com pequenas marcas de uso, aparado à cabeça. Com (12)+xliv+562+(2) páginas, e 16,5 x 23,5 cm. Porto: Imprensa Portuguesa, 1924.

* Encadernado com:

Pareceres da Academia das Sciencias de Lisboa àcerca do Livro D. Pedro I e a Sua Época do General Moraes Sarmento. 2.ª edição [ambas fora de mercado], com adenda pelo Dr. Armelim Junior, sócio da mesma academia. Inclui a petição do parecer, pelo general Moraes Sarmento, e os pareceres da secção de jurisprudência (Artur Montenegro; D. António, cardeal patriarca; Júlio de Vilhena; e Visconde de Carnaxide) e da secção de História (Vicente Almeida d’Eça; Pedro Augusto de S. Bartolomeu Azevedo; António Baião; e António Ferrão) da Academia, aprovados pelo secretário-geral, Cristovam Ayres. Invulgar. 37+(3) páginas. 21 x 14 cm. [s.l]: Sintra Gráfica, 1929.

Encadernação sintética moderna, meia-francesa, sem defeitos.

Preço: 45 euros.


 


D. PEDRO E D. INÊS

1320-1367

ANTERO DE FIGUEIREDO


2.ª edição, revista. Com a chancela do autor. Meia-encadernação de pele sólida, com nervos, em bom estado geral: mínimas marcas (“resto” inócuo de selo de biblioteca pessoal coevo). Sem capas de brochura. Miolo aparado e com algumas manchas. (8)+328+(4) páginas. 18,7 x 12,5 cm. Bom exemplar. Lisboa: Livrarias Aillaud e Bertrand, 1914.

Preço: 20 euros.