DOZE SONETOS POR VARIAS ACCIONES


D. FRANCISCO MANUEL DE MELO


En la muerte de la Señora Dona Ines de Castro mujer del Princípe Don Pedro de Portugal. Introdução de Raul Rego. Assinado por Raul Rego com dedicatória manuscrita a José Ribeiro dos Santos, colegas de profissão e na resistência à ditadura.

Plaquete graficamente cuidada (capa em relevo e com dourado no título, bom papel, fac-simile limpo). Com XIV+16+(2) páginas. 20 x 14 cm. Bom estado. Invulgar. Lisboa: O Mundo do Livro, Natal de 1960.

Preço: 27 euros.


 


A NOITE E O RISO

TRÍPTICO

NUNO BRAGANÇA


Primeira edição. Com dedicatória de amizade de Álvaro Guerra, a oferecer o livro a um amigo não nomeado, na época. Capa de Mendes de Oliveira.

Brochado. 340,(3) páginas. 19 x 12 cm. Lombada amarelecida e com vincos de leitura leves. No geral um bom exemplar, invulgar. Colecção Circulo de Prosa. Lisboa: Moraes Editores, 1969.

Preço: 65 euros.


 


O PARTICULAR, O NACIONAL E O UNIVERSAL


EUGÉNIO LISBOA


Assinado pelo autor com dedicatória de amizade a José Palla e Carmo, «criticus maximus!». Separata do volume das actas do colóquio Les Literatures Africaines de Langue Portugaise: A La Recherche de l’Identité Individuelle et Nationale, Paris, Novembro-Dezembro 1984.

Brochado. 10 páginas. 27 x 18,5 cm. Capa manchada. Paris: Fondation Calouste Gulbenkian, 1985.

Preço: 14 euros.


 


WHEN THE WOLVES HOWL


AQUILINO RIBEIRO


The author of this novel is the doyen of Portuguese literature. When it appeared in Portugal it was welcomed as a masterpiece. Ribeiro was at once arrested and charged with having attempted to discredit Portugal in the eyes of the world, with inciting action against the security of the State, and with insulting the magistrature and secret police (…) [da badana].

Primeira edição inglesa. Tradução de Patricia Macgowan Pinheiro (ou Patrícia Lança, à época exilada em Argel). Desenho da capa de R. G. Williamson. 288 páginas. 20,5 x 14 cm. Encadernação editorial com sobrecapa, ambas em bom estado, salvo leve amarelecimento na lombada. Miolo limpo. London: Jonathan Cape, 1963.

Inclui factura de compra na Livraria Sá da Costa, passada a Raul Rego, com o título e o autor do livro adquirido — e um desconto de 10% —, no dia 7 de Maio de 1964; e um cartão de cumprimentos oficial da revista Colóquio-Letras, datado de 10 de Maio de 1983, com um pedido manuscrito — não assinado (de Luís Amaro?) e ocupando a frente e o verso do cartão — para que o destinatário não identificado desvende, «num dos seus interessantíssimos artigos bibliográficos», o «mistério» de a primeira edição de O Homem que Matou o Diabo «ter saído  em Espanha, e em espanhol».

em conjunto com:

O HOMEM QUE MATOU O DIABO
AQUILINO RIBEIRO
Prefácio extenso de Serafina Martins, sobre os meandros e circunstâncias da obra. Brochado. 253,(3) páginas. 23,5 x 15 cm. Bom exemplar. Colecção Obras de Aquilino Ribeiro. Lisboa: Bertrand Editora, 2018.

e também:

QUANDO OS LOBOS JULGAM A JUSTIÇA UIVA
Texto integral da acusação e defesa no processo de Aquilino Ribeiro
Proibido e apreendido em Portugal. Prefácio de Adolfo Casais Monteiro. Defesa assumida pelo advogado Heliodoro Caldeira. Brochado. 112 páginas. 15,4 x 11,3 cm. Lombada amarelecida. Bom exemplar. São Paulo: Editora Liberdade e Cultura, [s.d.].

Conjunto invulgar.

Preço: 110 euros.


 


ERA A REVOLUÇÃO

NOVELA

JÚLIO CONRADO


Lembro esta rua, o largo, inchados de campónios em luta, que aqui tinham vindo solenemente explicar a criação do mundo. Mas deste livro incompleto, parco de estios, farto de primaveras, se arredou a gesta do campo. É um livro de modesta cidade, de pequeno-burgueses, de hesitantes, de psicopatas, de oportunistas cavilosos, de burocratas do fingimento. De mini-déspotas. Odeio déspotas. Odeio todos os déspotas. [da contracapa]

Capa: «colagem + desenho de Augusto Mota». Brochado. 106,(2) páginas. 19 x 12,5 cm. Lombada levemente amarelecida. Bom estado geral. Lisboa: Parceria A. M. Pereira, Outubro de 1977.

Exemplar assinado pelo autor com dedicatória a José Palla e Carmo, no ante-rosto, datada de 10 de Dezembro de 1977.

Preço: 22 euros.


 


HISTÓRIAS DE ANIMAIS

O LIVRO DA TERESINHA


LÍLIA DA FONSECA


Exemplar assinado pela autora com dedicatória, datada de 5 de Março de 1963, à amiga Hortense de Almeida, jornalista, escritora e colaboradora do Teatro de Branca-Flor (1962-1982), fundado por Lília da Fonseca.

Colecção Carrosel, livros para crianças ilustrados por crianças, Série A — Histórias de Animais, n.º 1. Direcção Literária de Lília da Fonseca. Direcção Artística de Calvet de Magalhães. Direcção Técnica de José de Almeida. Histórias «colhidas» de noticiários de jornais (reproduzidas no final do volume, com identificação precisa da fonte) e ilustradas por crianças, alunas da Escola Técnica Elementar Francisco Arruda, em Lisboa.

Brochado. 46,(2) páginas. 19 x 14 cm. Mínimas imperfeições exteriores. Lombada, e primeira e última páginas do miolo, amarelecidas. Mantém-se, no geral, um bom exemplar. Composto e impresso nas oficinas gráficas do Jornal do Fundão. Lisboa: edição da autora (depósito e distribuição Seara Nova), Dezembro de 1962.

Preço: 24 euros.



HISTÓRIAS DE ANIMAIS

O LIVRO DO MARINHO


LÍLIA DA FONSECA


Exemplar assinado pela autora com dedicatória, datada de 15 de Julho de 1963, à amiga Hortense de Almeida, jornalista, escritora e colaboradora do Teatro de Branca-Flor (1962-1982), fundado por Lília da Fonseca.

Colecção Carrosel, livros para crianças ilustrados por crianças, Série A — Histórias de Animais, n.º 2. Direcção Literária de Lília da Fonseca. Direcção Artística de Calvet de Magalhães. Direcção Técnica de José de Almeida. Histórias «colhidas» de noticiários de jornais (reproduzidas no final do volume, com identificação precisa da fonte) e ilustradas por crianças, alunas da Escola Técnica Elementar Francisco Arruda, em Lisboa.

Brochado. 47,(1) páginas. 19 x 14 cm. Mínimas imperfeições exteriores. Lombada, e primeira e última páginas do miolo, amarelecidas. Mantém-se, no geral, um bom exemplar. Composto e impresso nas oficinas gráficas do Jornal do Fundão. Lisboa: edição da autora (depósito e distribuição Seara Nova), Abril de 1963.

Preço: 24 euros.



HISTÓRIAS DE ANIMAIS

O LIVRO DA STELINHA


LÍLIA DA FONSECA


Exemplar assinado pela autora com dedicatória, datada de 1 de Outubro de 1965, à amiga Hortense de Almeida, jornalista, escritora e colaboradora do Teatro de Branca-Flor (1962-1982), fundado por Lília da Fonseca.

Colecção Carrosel, livros para crianças ilustrados por crianças, Série A — Histórias de Animais, n.º 3. Direcção Literária de Lília da Fonseca. Direcção Artística de Calvet de Magalhães. Direcção Técnica de José de Almeida. Histórias «colhidas» de noticiários de jornais (reproduzidas no final do volume, com identificação precisa da fonte) e ilustradas por crianças, alunas da Escola Técnica Elementar Francisco Arruda, em Lisboa.

Brochado. 46,(2) páginas. 19 x 14 cm. Mínimas imperfeições exteriores. Lombada amarelecida. Mantém-se, no geral, um bom exemplar. Composto e impresso nas oficinas gráficas do Jornal do Fundão. Lisboa: edição da autora (depósito e distribuição Seara Nova), Setembro de 1964.

Preço: 24 euros.



HISTÓRIAS DE ANIMAIS

O LIVRO DA NENÉ


LÍLIA DA FONSECA


Exemplar assinado pela autora com dedicatória, datada de 20 de Maio de 1970, à amiga Hortense de Almeida, jornalista, escritora e colaboradora do Teatro de Branca-Flor (1962-1982), fundado por Lília da Fonseca. Na capa e no rosto há emendas do primeiro acento de Néné, raspado com delicadeza.

Colecção Carrosel, livros para crianças ilustrados por crianças, Série A — Histórias de Animais, n.º 6. Direcção Literária de Lília da Fonseca. Direcção Artística de Calvet de Magalhães. Direcção Técnica de José de Almeida. Histórias «colhidas» de noticiários de jornais (reproduzidas no final do volume, com identificação precisa da fonte) e ilustradas por Calvet de Magalhães.

Brochado. 49,(3) páginas. 19 x 14 cm. Mínimas imperfeições exteriores. Lombada amarelecida. Mantém-se, no geral, um bom exemplar. Composto e impresso nas oficinas da Tipografia «A União», em Torres Vedras. Lisboa: edição da autora, [s.d.].

Preço: 24 euros.



HISTÓRIAS DE ANIMAIS

O LIVRO DA LILI


LÍLIA DA FONSECA


Exemplar assinado pela autora com dedicatória, datada de 20 de Maio de 1970, à amiga Hortense de Almeida, jornalista, escritora e colaboradora do Teatro de Branca-Flor (1962-1982), fundado por Lília da Fonseca.

Colecção Carrosel, livros para crianças ilustrados por crianças, Série A — Histórias de Animais, n.º 7. Direcção Literária de Lília da Fonseca. Direcção Artística de Calvet de Magalhães. Direcção Técnica de José de Almeida. Histórias «colhidas» de noticiários de jornais (reproduzidas no final do volume, com identificação precisa da fonte) e ilustradas por Luísa Aparício.

Brochado. 49,(3) páginas. 19 x 14 cm. Mínimas imperfeições exteriores. Lombada, e primeira e última páginas do miolo, amarelecidas. Mantém-se, no geral, um bom exemplar. Composto e impresso nas oficinas da Tipografia «A União», em Torres Vedras. Lisboa: edição da autora, [s.d.].

Preço: 24 euros.


 


TERRA ATLÂNTIDA

IMPRESSÕES DA MADEIRA


EDMUNDO TAVARES


Exemplar assinado pelo autor com dedicatória a Alberto José Pessoa, de arquitecto para arquitecto, datada de 1950.

Ilustrado. Brochado. 107 páginas. 24,3 x 16,5 cm. Capa com ligeiro desgaste nas margens, e lombada amarelecida. No geral, um bom exemplar, com uma dedicatória invulgar. Lisboa: Bertrand (Irmãos) Lda., 1948.

Preço: 35 euros.


 


MYRTIS ET KORINNA


WILLIAM RITTER


Novela. William Ritter (1867-1955), nascido em Neuchâtel, amigo de Mahler, estudou em Viena e foi escritor, pintor, crítico de arte e crítico musical. Ilustrações de Antoine Calbet. Collection Lotus Alba, para bibliófilos. Estimado. Com (14)-90-(6) páginas, e 14,5 x 7 cm. Paris: Librairie Borel, 1898.

Um centauro apaixona-se por uma jovem rapariga…



LA GUERRE DES DIEUX


PARNY


Poesia. Originalmente publicado em 1799, com autoria de Évariste Parny (1753-1814). Dois volumes encadernados num único, com capas de brochura. Assinatura de posse de Alberto Cupertino Pessoa, professor de Medicina na Universidade de Coimbra, em letra muito miúda, em ambas as páginas de ante-rosto. Ilustrado com gravuras e vinhetas, sem autoria atribuída, embora assinadas. 128+128 páginas. 14 x 9 cm. Capas de brochura manchadas, miolo não tanto. Não aparado. Colecção Petite Bibliothèque Diamant. Paris: L. Boulanger, [s.d.].



LA NONNE ALFEREZ


JOSÉ-MARIA DE HEREDIA


Romance. Primeira edição. Heredia nasceu em Cuba em 1833 e naturalizou-se francês em 1893. Ilustrações de Daniel Vierge, gravadas por Privat-Richard. Encadernado com capas de brochura. Monograma do arquitecto Alberto José Pessoa, filho do professor Alberto Cupertino Pessoa (↑) na página de rosto. Com viii-175 páginas, e 14,5 x 9 cm. Colecção Lemerre Ilustrée. Bom estado, mas com a capa de brochura manchada. Não aparado. Paris: Alphonse Lemerre, 1894.




[Colecção de 3 mini-livros eróticos] — 1894-1898


Colecção “familiar” estimada de três diferentes obras eróticas publicadas em França no final do século XIX — mais valiosa a de Herédia — um conjunto uno de robustas e suaves encadernações inteiras de pele com nervos nas lombadas, cada uma de sua cor e todas no mesmo estilo, com o selo do encadernador Raúl de Almeida (Lisboa).

Preço (do conjunto dos 3 livros): 65 euros.


 


O ESPÍRITO E A GRAÇA DE CAMILO


LUÍS DE OLIVEIRA GUIMARÃES


Colectânea de histórias, citações e excertos, em busca das subtilezas do humor camiliano. Autografado pelo autor com dedicatória a José Ribeiro dos Santos, jornalista e escritor. 160 páginas. 19,3 x 12,3 cm. Lombada amarelecida. Miolo limpo, parcialmente por abrir. Bom exemplar. Edição Romano Torres, Lisboa, 1952.

Preço: 18 euros.


 


A CIDADE E OS HOMENS
e outros poemas


EDUARDO VALENTE DA FONSECA


Das primeiras obras publicadas por Eduardo Valente da Fonseca [Aveiro, 1928-2003]. Autografado pelo autor com dedicatória ao autor da capa, Rui Filipe. Muito bom estado de conservação. 126 páginas. 18 x 13 cm. Porto: edição do autor, 1956 (composto e impresso na Tipografia do Carvalhido, distribuído pela Livraria Aviz).

Preço: 70 euros.


 


TERRA SEM MÚSICA

( O LIVRO DE PITCH )

FERNANDA BOTELHO


Assinado pela autora com dedicatória ao escritor José Palla e Carmo, em Abril de 1969.

Nas badanas, excertos de apreciações críticas de José Palla e Carmo [«Tudo isto caracteriza uma obra de literatura essencialmente literária, estéticamente evoluída, invulgarmente culta.»], Maria Lúcia Lepecki, Luís Forjaz Trigueiros, Jorge Listopad, e outros.

Primeira edição. Romance. Capa de José Cândido. Brochado. 309+(3) páginas. 18,8 x 12,4 cm. Capa com mínimos sinais de desgaste. Lombada amarelecida e com vinco de leitura. Miolo impecável. Colecção Autores Portugueses. Lisboa: Livraria Bertrand, 1969.

Preço: 35 euros.



LOURENÇO É NOME DE JOGRAL


FERNANDA BOTELHO


Assinado pela autora com dedicatória ao escritor José Palla e Carmo, em 1971.

Nas badanas, excertos de apreciações críticas de Óscar Lopes [«Mas o seu destino é o de romancista. Não sei em que sofrimentos o argamassou. Mas pelo menos naquela vasta compreensão dos sofrimentos e das inquietações dos humanos que é o dom imprescindível do romancista. Sem ele, este não passa de um fazedor de histórias. Com ele, é um recriador do mundo.»], Manuel Poppe e Manuel Alberto Valente.

Primeira edição. Romance. Capa de José Cândido. Brochado. 274+(2) páginas. 19,2 x 12,2 cm. Capa com zonas localizadas de desgaste ligeiro (ao nível da cor), e lombada com descoloração uniforme e vinco de leitura. Miolo em muito bom estado. No geral, um bom exemplar. Colecção Autores Portugueses. Lisboa: Livraria Bertrand, 1971.

Preço: 35 euros.



XERAZADE E OS OUTROS

ROMANCE (Tragédia em forma de)

FERNANDA BOTELHO


Assinado pela autora com dedicatória ao crítico e ensaísta José Palla e Carmo, em Julho de 1964. Exemplar único profundamente anotado por Palla e Carmo, a lápis e por vezes também a tinta, na grande maioria das páginas do miolo, até às 3 últimas páginas brancas, com a argúcia de crítico (e revisor) implacável a par com a bondade e o humor de um par. Uma ímpar peça de Estudos Literários.

Primeira edição. Romance. Capa de José Cândido. Nas badanas, excertos de crítica de Jacinto do Prado Coelho, Mário Dionísio, João Gaspar Simões e João Pedro de Andrade. Brochado. 272+(4) páginas. 19,2 x 12,4 cm. Capas com marcas de manuseio, lombada com vincos de leitura. Miolo em bom estado (embora pleno de notas manuscritas, setas e garatujas pallicarmianas). Colecção Autores Portugueses. Lisboa: Livraria Bertrand, [1964].

Preço: 80 euros.


 


A ÚLTIMA OPORTUNIDADE DO HOMEM


BERTRAND RUSSELL


2.ª edição, na Colecção Filosofia e Ensaios da Guimarães Editores, Lisboa, 1966. Título original: New Hopes for a Changing World. Tradução de José António Machado. 233+(7) páginas. 19,5 x 13 cm. Meia-encadernação de pele com nervos suaves, e mínimas imperfeições, mantém capas de brochura, o miolo aparado (e carminado) à cabeça.

Com pequena rubrica de posse (datada de 68) de José Ribeiro dos Santos, advogado, dramaturgo, político e jornalista com uma história contínua de oposição à ditadura, e por essa época nos quadros da Gulbenkian [aqui].

Em todo o volume, estimado, apenas uma frase sublinhada, a págs. 136, na mesma tinta da rubrica de posse : «A essência do fanatismo consiste em considerar determinado problema como tão importante que ultrapasse qualquer outro.»

Preço: 20 euros.


 


ODES


KEATS


Inclui as odes “a uma urna grega”, “à melancolia”, “à indolência”, “ao Outono” e “a um rouxinol”.

Tradução e prefácio-ensaio (págs. 11-26) de Fernando Guimarães.

Assinado pelo tradutor com dedicatória a Jorge Listopad, autor da capa. Número 2 da colecção Origem (primeiro título foi de Listopad), da Livraria Sousa & Almeida, Porto, [Julho de] 1960. Com 47+(9) páginas, e 19,3 x 12,5 cm. Com uma fotografia da máscara mortuária de Keats. Exemplar estimado.

Preço: 22 euros.