A GERAÇÃO DE 70

UMA REVOLUÇÃO CULTURAL E LITERÁRIA


ÁLVARO MANUEL MACHADO


As «personalidades mais representativas [da Geração de 70] podem afigurar-se um transitório grupo de revolucionários malogrados ou, mais simplesmente, de idealistas cépticos. Mas toda essa paradoxal caracterização se conjuga, essencialmente, com o grande drama do homem moderno, que é o drama da obsessão revolucionária e das suas relações com o tempo».

Ensaio. Exemplar autografado pelo autor com dedicatória («com um abraço de camaradagem e admiração») datada de Novembro de 1977. Brochado. 91+(5) páginas. 19 x 11,5 cm. Bom estado. Colecção Biblioteca Breve, dirigida por Álvaro Salema, [Lisboa]: Instituto de Cultura Portuguesa, 1977.

Preço: 18 euros.


 


CARTAS INÉDITAS

DE OITENTA E CINCO ESCRITORES PORTUGUESES DA SEGUNDA METADE DO SÉCULO XIX E DO PRIMEIRO QUARTEL DO SÉCULO ACTUAL

Prefaciadas e anotadas por
CÂNDIDO DE FIGUEIREDO


Cartas de: Abel Botelho, Adolfo Coelho, Alexandre Herculano, Amélia Janny, Antero de Quental, António Cândido, António José Viale, Augusto Soromenho, Bernardino Pinheiro, Braamcamp Freire, Bulhão Pato, Camilo Castelo Branco, António Feliciano de Castilho, Conde de Casal-Ribeiro, Conde de Monsaraz, Conde de Sabugosa, Conde de Samodães, Cunha Rivara, Dom António da Costa, Dom João da Câmara, Duarte Guimarães, Pereira Caldas, Doutor Sousa Martins, Xavier Rodrigues Cordeiro, Tomás de Carvalho, Xavier da Cunha, Eduardo Augusto Vidal, Emídio Navarro, Eugénio de Castilho, Fernandes Costa, Fernando Caldeira, Ferreira Lapa, Francisco Palha, Almeida Garrett, Gervásio Lobato, Gomes de Amorim, Gomes Leal, Gonçalves Crespo, Gonçalves Viana, Guerra Junqueiro, Guilherme Braga, Guilherme de Azevedo, Guimarães Fonseca, Inocêncio Francisco da Silva, João de Deus, João de Lemos, João Penha, Joaquim Martins de Carvalho, Sampaio Bruno, José Silvestre Ribeiro, José de Sousa Monteiro, José Veríssimo, Júlio de Castilho, Júlio César Machado, Latino Coelho, Luís Augusto Palmeirim, Luís Guimarães, Manuel Duarte de Almeida, Maria Amália Vaz de Carvalho, Mariana Angélica de Andrade, Mendes Leal, Miguel de Bolhões, Narciso de Lacerda, Olavo Bilac, Pinheiro Chagas, Ramalho Ortigão, Ramos Coelho, Rudolfo Dalgado, Sales Lencastre, Santos Valente, Silva Pinto, Silveira da Mota, Sílvio Romero, Simões Dias, Sousa Viterbo, Teixeira de Queirós, Teixeira de Vasconcelos, Tomás Ribeiro, Trindade Coelho, Teófilo Braga, Vilhena Barbosa, Visconde de Benalcanfor, Sanches de Frias, Zeferino Brandão.

Intonso e em brochura. (xvi)+208+(4) páginas. 22,5 x 15 cm. Capa (com algumas manchas) e lombada (amarelecida) com mínimas falhas (marginais) de papel. Rio de Janeiro: H. Antunes & C.ª, [1924]. Composto e impresso em Lisboa.

Preço: 22 euros.


 


CORRESPONDÊNCIA EPISTOLAR


EÇA DE QUEIROZ
EMÍLIA DE CASTRO


Cartas inéditas de Emília de Castro, e a sua correspondência epistolar com outros destinatários: Jaime Batalha Reis, Oliveira Martins, Luís de Magalhães, Celeste Cinatti Batalha Reis, Ramalho Ortigão e Veridiana Prado.

Com dezenas de ilustrações a cor e a preto (fac-similes e fotografias), termina com índices de nomes e índices temáticos, uma árvore genealógica parcial de Emília de Castro (desdobrável) e um calendário perpétuo para o século XIX.

Leitura dos autógrafos, introdução e anotações de A. CAMPOS MATOS. Coordenação da edição: Daniel Santos. Edição comemorativa do 150.º aniversãrio do nascimento de Eça de Queirós. 827+[1]+(5) páginas. 27 x 21 (x 5,5) cm. Encadernação editorial. Bom estado. Porto: Lello & Irmão – Editores, 1995.

Preço: 45 euros.


 


POLÉMICAS

DE EÇA DE QUEIROZ


Organização, introdução e notas de
JOÃO C. REIS


Obra completa em cinco volumes, cobrindo os períodos (1867-1872, dois primeiros vols.), (1874-1887) e (1887-1890, dois últimos vols.). Ver reprodução integral dos índices (). Total de 1088 páginas [228+(4); 209+(3); 263+(1); 227+(1); 150+(2)], e 23 x 16 (x 7) cm. Ligeira descoloração nas lombadas dos volumes I, II e V. Bom estado. Colecção Heuris. Lisboa: Europress, 1987-1988.

Preço: 50 euros.


 


NOVAS CARTAS INÉDITAS DE EÇA DE QUEIROZ

CAMILLO, GUERRA JUNQUEIRO, OLIVEIRA MARTINS, TEOPHILO BRAGA,
JOÃO DE DEUS, CASTILHO, FIALHO, ANTÓNIO FEIJÓ E CÂNDIDO DE FIGUEIREDO
A

RAMALHO ORTIGÃO


Cartas de Eça de Queirós, maioritariamente, mas também de Camilo Castelo Branco, Guerra Junqueiro, Oliveira Martins, Teófilo Braga, João de Deus, António Feliciano de Castilho, Fialho de Almeida, António Feijó e Cândido Figueiredo — dirigidas a Ramalho Ortigão.

Introdução de Bricio de Abreu, prefácio de Lopes d’Oliveira e posfácio de Álvaro Moreyra. LII+(4)+244+(2) páginas. 19,4 x 13 cm. Colecção “Dom Casmurro”, sob a direcção de Álvaro Moreyra e Bricio de Abreu. Tiragem de 5000 exemplares numerados (este o n.º 2142). Rio de Janeiro: Alba Editora, 1940.

Encadernação em óptimo estado, miolo manuseado: meia encadernação de pele, conserva capas de brochura, e lombada no final, em miolo não-aparado, com ocasionais manchas e pequenas marcas de restauro; falta de um canto de página (sem perda de texto) na página 240; dupla assinatura de posse no início da introdução, datada de Lisboa, 20/6/47.

Preço: 24 euros.


 


CORRESPONDÊNCIA


EÇA DE QUEIRÓS


548 cartas. Termina com uma resenha bibliográfica do epistolátrio queirosiano, e um índice de cartas dispersamente publicadas.

Alguns dos destinatários: Jaime Batalha Reis, Ramalho Ortigão, Manuel da Silva Gaio, Luís de Magalhães, Conde de Sabugosa, Joaquim de Araújo, Cristovão Aires, Fialho de Almeida, Conde de Arnoso, Machado de Assis, Teófilo Braga, Barão de Rio Branco, Camilo Castelo Branco, Eugénio de Castro, Pinheiro Chagas, Ernesto Chardron, Eduardo Coelho, Latino Coelho, Conde de Ficalho, Jaime de Magalhães Lima, Oliveira Martins, Columbano Bordalo Pinheiro, Antero de Quental, Teixeira de Queirós, et caetera.

Leitura, coordenação, prefácio e notas de Guilherme de Castilho. Capa de Armando Alves. Obra completa em 2 volumes, ilustrados extra-texto com fotografias e fac-similes. Cerca de 1300 páginas: [10]+640+(8) no primeiro volume, e [10]+622+(12) no segundo. Em brochura. 24,2 x 15 (x 7) cm. Lombadas ligeiramente amarelecidas e com leves vincos de leitura. Capas com ténues marcas de manuseio. Miolo limpo. Exemplares interessantes e sólidos. Na Biblioteca de Autores Portugueses da Imprensa Nacional – Casa da Moeda, Lisboa, 1983.

Preço: 27 euros.