AVE, PALAVRA


JOÃO GUIMARÃES ROSA


Obra póstuma. Capa de Gian. Com uma fotografia do autor. Nota introdutória de Paulo Rónai. Em excelente estado de conservação. 274 páginas. 14 x 21 cm. 1.ª edição, Rio de Janeiro: Livraria José Olympio Editôra, 1970.

Preço: 25 euros.



PRIMEIRAS ESTÓRIAS


JOÃO GUIMARÃES ROSA


Segundo o colofón, «êste livro foi feito nas oficinas de Artes Gráficas Bisordi S. A., na Rua do Hipódromo 63/69, São Paulo, para a Livraria José Olympio Editôra S. A., Rio, terminando-se a impressão em agôsto de 1962 — ano em que o Brasil, conquistando a Taça Jules Rimet, sagrou-se Bicampeão Mundial de Futebol.»

1.ª edição. 176-(4) páginas. 14 x 21 cm. Capa cansada. Guarda, ante-rosto e 12 páginas finais com ténue mancha de humidade no canto inferior exterior, que não toca o texto. Pequena assinatura de posse no rosto, sob o título. Rio de Janeiro: Livraria José Olympio Editôra, 1962.

Preço: 30 euros.



GUIMARÃES ROSA


ADÓNIAS FILHO
ÓSCAR LOPES
CURT MEYER-CLASON
VÍTOR MANUEL DE AGUIAR E SILVA


Textos de um ciclo de conferências sobre Guimarães Rosa, aquando das exposições biobibliográficas sobre o autor, na Galeria Quadrante, em Lisboa, e na Faculdade de Letras de Coimbra, em 1968/1969. Com 81 páginas, e 14 x 20,5 cm. Bom exemplar. Lisboa: Instituto Luso-Brasileiro, 1969.

Ensaios: «A ficção de Guimarães Rosa» (Adónias Filho), «Guimarães Rosa — intenções de um estilo» (Óscar Lopes), «Guimarães Rosa e a língua alemã» (Curt Meyer-Clason, tradutor de Guimarães Rosa para alemão) e «Visão do mundo e estilo em Grande Sertão: Veredas» (Vítor Manuel de Aguiar e Silva).

Acompanhado de um cartão do Instituto Luso-Brasileiro de Lisboa, autografado com “abraços amigos sempre”, mas sem menção do destinatário, por Ruben A.

Raro.

Preço: 25 euros.



[Carta Dactiloscrita]


JOSÉ MANUEL SOARES DE OLIVEIRA


Dactiloscrito de 9 páginas, datado de 9 de Setembro de 1947, assinado pelo seu autor, o director do jornal ALA no biénio 1946-1947. No texto, o autor faz uma revisão da actividade do jornal nesse período, antes de resignar ao cargo. Muito curiosa a parte da carta dedicada aos colaboradores (Afonso Botelho, Manuel Falcão, Freitas Leal, Luiz Archer, Nuno Teotónio Pereira, Henrique Barrilaro Ruas, etc.), ou outra em que refere problemas com a tipografia.

A ALA foi um jornal ligado aos universitários católicos portugueses, fundado em 1941, com crítica literária, poética, teatral, musical e de belas-artes, secção de desporto universitário e outras. Ao longo da sua história publicou colaborações importantes de Vitorino Nemésio, Salette Tavares, Ruy Cinatti, Francisco de Sousa Tavares, Jorge Botelho Moniz, Vasco Miranda, Ruben A. ou Noël de Arriaga.

Carta de 9 folhas dactilografadas apenas de um lado, com assinatura manuscrita do autor no final. Agrafadas. Formato 22 x 27 cm.

Preço: 30 euros.


Vasco Graça Moura

[09Abr12]

Este slideshow necessita de JavaScript.

O MÊS DE DEZEMBRO e outros poemas
Poesia. Com um desenho de Domingos A. Sequeira. Direcção gráfica de Armando Alves. 61+(9) páginas. 13 x 19 cm. Colecção Coroa da Terra, n.º 6. Porto: Inova, 1977.
Preço: 20 euros.

INSTRUMENTOS PARA A MELANCOLIA
Poesia. Com três desenhos de José Rodrigues, e uma fotografia do autor. Direcção gráfica de Armando Alves. Primeiro título da Colecção Obscuro Domínio. 128 páginas. 13 x 21 cm. Encontrado no livro: um recorte de jornal com um artigo de Eduardo Prado Coelho que fala da poesia do autor. Porto: O Oiro do Dia, [Setembro de] 1980.
Preço: 20 euros.

50 POEMAS DE GOTTFRIED BENN
Selecção, tradução e prefácio de Vasco Graça Moura. Capa com um desenho de Manuel Ribeiro de Pavia. Com fotografias e fac-similes de manuscritos de Gottfried Benn. Direcção gráfica de Armando Alves. 82 páginas (por abrir). 14 x 20 cm. Colecção As Mãos e os Frutos, décimo sexto volume. Porto: O Oiro do Dia, [Setembro de] 1982.
Preço: 20 euros.

NÓ CEGO, O REGRESSO
Poesia. Com uma aguarela de Mário Botas. Direcção gráfica de Armando Alves. Colecção O Aprendiz de Feiticeiro, quinto volume. 60 páginas. 15 x 22,5 cm. Porto: O Oiro do Dia, [Novembro de] 1982.
Preço: 25 euros.

OS ROSTOS COMUNICANTES
Cadernos de Poesia Dom Quixote, n.º 28. Capa de Fernando Felgueiras. 64 páginas. 11 x 18 cm. Lisboa: Publicações Dom Quixote, [Outubro de] 1984.
Preço: 20 euros.

A SOMBRA DAS FIGURAS
Poesia. Edição do autor, Lisboa, [Outubro de] 1985. Tiragem de 1000 exemplares. 80 páginas. 15 x 21 cm. Excelente estado de conservação.
Preço: 30 euros.

UMA CARTA NO INVERNO
Poesia. Capa de Rogério Petinga sobre Flagelação de Piero della Francesca. Inclui o poema de homenagem a Óscar Lopes, «Um Senhor de Matosinhos». 79 páginas. 13 x 21 cm. Óptimo exemplar. Lisboa: Quetzal Editores, 1997.
Preço: 20 euros.


JURISLÂNDIA
Livro do curso de Direito da Faculdade de Direito de Lisboa. 252 páginas. 18 x 24 cm. Publicado com o apoio da Morais Editores. Impresso na Covilhã (Tip. Notícias da Covilhã). Exemplar autografado por uma das alunas para António Carlos Leónidas que, nos anos 60, foi presidente do IMAVE (onde estava integrada a Telescola) e chefe de redacção da revista Escola Portuguesa. Caricaturas de Sanches, e outros. Com uma caricatura e um texto jocoso para cada um dos 21 professores, incluindo Marcello Caetano. Entre os alunos, destacam-se os nomes de Vasco Graça Moura (com versos de António Rebordão Navarro), Manuela Portugal [Eanes], Pedro Roseta, Mário Assis Ferreira, Noronha Nascimento, Artur Faria Maurício, António Figueiredo Lopes, António Monteiro, Basílio Horta, Fausto de Quadros e Joaquim da Silva Lourenço. Invulgar.
Ver lista completa dos alunos e outras fotografias da obra aqui.
Preço: 35 euros.

RIO DE JANEIRO

[25Ago11]


O RIO DE JANEIRO NO SÉCULO XVI


JOAQUIM VERÍSSIMO SERRÃO


Obra em 2 volumes, sendo o primeiro uma monografia histórica, que «trata do sítio da Guanabara desde as primeiras viagens dos navegadores portugueses, traçando depois a história da cidade de S. Sebastião, até aos fins do século XVI», e o segundo uma colecção de documentos colhidos na Torre do Tombo, Arquivo Histórico Ultramarino e Biblioteca da Ajuda, para uso futuro dos historiadores. 252 + 167 páginas. 18 x 25 x 3 cm. Óptimo estado de conservação. Uma edição da Comissão Nacional das Comemorações do IV Centenário do Rio de Janeiro, Lisboa, 1965.

Preço: 30 euros.