INDÚSTRIA E IMPÉRIO


E. J. HOBSBAWM


Título original: Industry and Empire. Tradução de Ana Falcão Bastos e Luís Leitão. Em 2 volumes, de 248 + 276 páginas, e 18 x 11,5 (x 3,2) cm, números 63 e 64 da Biblioteca de Ciências Humanas da Editorial Presença, Lisboa, 1978.

Em conjunto com:

Ler História, revista quadrimestral, n.º 4 (1985), direcção de Miriam Halpern Pereira, edição de A Regra do Jogo Edições, 192 páginas, 23,5 x 17 cm, com uma entrevista a Eric J. Hobsbawm por A. Costa Pinto e José Manuel Sobral (pp. 127 a 136).

Os dois volumes e a revista: em bom estado geral.

Preço (do conjunto): 15 euros.


A Revolução Industrial, marco fundamental nas transformações históricas dos últimos 200 anos, coincide por breve período com a história de um único país, a Grã-Bretanha. Esta obra descreve documentadamente a ascenção da Inglaterra como primeira potência industrial, o seu declínio dessa posição de vanguarda, as suas específicas relações com o resto do mundo (particularmente no que se refere aos países subdesenvolvidos) e os efeitos conjugados de todos estes aspectos no seu reflexo sobre a vida do povo inglês. [da contracapa]

 


QUÍMICA APLICADA ÀS ARTES E ÀS INDÚSTRIAS

PEQUENO MANUAL DE DIVULGAÇÃO QUÍMICA

PEREIRA FORJAZ


1.º volume — Química económica — A química da terra — A química da água — A química do vinho — A química do sabão e das velas — A química da côr — A química da «toillete» e do perfume — A química da cerâmica — A química do sal — A química da soda — A química da guerra.

2..º volume — A química do veneno — A química da pirotecnia — A química dos documentos — A quimica da alimentação — A quimica do leite — A quimica das conservas — Combustíveis e iluminantes — A quimica do vidro — A química da celulose — A química do papel — A química do rádio — A química metalúrgica — O petróleo — O alquimista moderno — Gases de morte — Tabelas úteis ao químico.

Ilustrado com cerca de 500 gravuras, em 886 páginas, no total dos dois volumes, encadernados em conjunto (16 x 12 x 4 cm), em tela gravada a seco, e em bom estado. Vide crítica da época, nos arquivos da SPQ. Lisboa: Livraria Sá da Costa, 1936.

Preço: 45 euros.