ALQUEVA

A GRANDE BARRAGEM

ANTUNES DA SILVA


Assinado pelo autor com dedicatória de amizade («estas crónicas de um tempo presente»), datada.

Ilustrado com fotografias de Rui Pacheco. 102+(2) páginas. 21 x 14,5 cm. Capa com manchas leves. Primeira e última folhas amarelecidas. Colecção Obras de Antunes da Silva, n.º 2. Lisboa: Livros Horizonte, 1982.

Preço: 20 euros.



EXILADO

E OUTROS CONTOS

ANTUNES DA SILVA


Autografado pelo autor com dedicatória de amizade («estas histórias do Alentejo»).

Capa e direcção gráfica de Armando Alves. 89+(7) páginas. 22,5 x 14,5 cm. Capas com um ou outro pontos de desgaste. Miolo limpo. Bom estado geral. Colecção Duas Horas de Leitura, n.º 18. Porto: Editorial Inova, 1973.

Preço: 18 euros.



O APRENDIZ DE LADRÃO


ANTUNES DA SILVA


Exemplar assinado pelo autor com dedicatória datada («abraço de camaradagem»).

Primeira edição. Com ilustrações de Manuel Ribeiro Pavia. 236+(4) páginas. 19,5 x 12,5 cm. Capas, lombada e corte das folhas machados, e com marcas superficiais de bicho de papel; miolo com picos leves, pouco frequentes. Colecção Orion, distribuída pelas Publicações Europa-América, Lisboa, 1954.

Preço: 8 euros.



TERRAS VELHAS SEMEADAS DE NOVO

UMA REALIDADE PORTUGUESA:
OS TRABALHADORES DAS COOPERATIVAS

ANTUNES DA SILVA


Dedicatória manuscrita e datada do autor na página de rosto.

Reportagens. Ilustrado com fotografias a preto, em papel couché, extra-texto. 236+[8] páginas. 21,5 x 16 cm. Capas cansadas. Lombada descolorada e com vinco de leitura. Miolo no geral limpo. Colecção Documentos de Todos os Tempos. Lisboa: Livraria Bertrand, 1976.

Preço: 10 euros.


 


HISTÓRIA SOCIAL DO TRABALHO

DAS ORIGENS ATÉ AOS NOSSOS DIAS

PIERRE JACCARD


Um tomo cuidado, impresso em papel superior e com ilustrações de inúmeros artistas estrangeiros consagrados na história da arte europeia, entre os quais figuram os nomes de Júlio Pomar (2) e Rogério Ribeiro (1); vide índices ↑.

Tradução de Rui de Moura. Ilustrado com 37 extra-textos. 350+[74]+(2) páginas. 25 x 19 cm. Encadernação editorial sintética gravada a ouro na pasta frontal e na lombada. Miolo limpo. Bom exemplar. Lisboa: Livros Horizonte, [196?].

em conjunto com:

O TRABALHO NO SÉCULO XIX. Claude Fohlen. Tradução de Maria de Lurdes Almeida Melo. 143+(9) páginas. 18,3 x 11,5 cm. Bom estado geral. Colecção Breviários de Cultura n.º 4, Lisboa: Estúdios Cor, [Maio de] 1974.

 

Preço: 40 euros.