PENSAMENTOS


PASCAL


Tradução e (extenso) prefácio de Salette Tavares. Capa de José Escada. 336+(14) páginas. 15,5 x 20 cm. Bom exemplar. Colecção Círculo do Humanismo Cristão / Pessoa e Cultura, n.º 1, da Livraria Morais Editora, Lisboa, 1959.

Preço: 18 euros.



UMA VEZ UMA VOZ

POESIA COMPLETA 1948-1983

ANTÓNIO MANUEL COUTO VIANA


Assinado pelo autor com dedicatória de página inteira à «inteligência lucidíssima e esclarecedora» do crítico literário Álvaro Salema. Retrato do autor por Juan Soutullo. Prefácio de José Carlos Seabra Pereira. 476 páginas. 15,5 x 22 cm. Muito bom estado de conservação. Lisboa: Verbo, 1985.

Preço: 35 euros.



POESIA ESCOLHIDA DE AI QING


Escolha, tradução, prefácio e notas de JIN GUO PING.
Revisão literária de António Manuel Couto Viana.

Edição bilingue. Capa de Mo Pan Fei. Ilustrado com algumas fotografias do poeta Ai Qing. 442 páginas. 12 x 17 cm. Bom estado. Macau: Instituto Cultural de Macau, 1987.

Autografado com dedicatória de página inteira por A.M. Couto Viana, datada de 1992.

Preço: 20 euros.



AS (E)VOCAÇÕES LITERÁRIAS


ANTÓNIO MANUEL COUTO VIANA


Crónicas, «memórias e esboços de estudos literários», anteriormente publicados em jornais e revistas, sobre autores com os quais Couto Viana conviveu ou sentiu afinidades literárias, dando primazia aos poetas:

Afonso Lopes Vieira, Alberto d’Oliveira, Alfredo Pimenta, Alfredo Serrano, Álvaro Benamor, Américo Cortez Pinto, António Alves Martins, António Corrêa d’Oliveira, António Patrício, Augusto Lima, Azinhal Abelho, Blanco-Amor, Camilo Castelo Branco, Eça de Queiroz, Ernesto Sardinha, João de Deus, Francisco de Almeida, João da Rocha, João Verde, José de Almada Negreiros, José Bruges, José Régio, Júlio Brandão, Manuel Lereno, Odylo Costa, Filho, Teixeira de Pascoaes, Teófilo Carneiro, Vasco de Lima Couto e Vitorino Nemésio.

O livro termina com alguns textos mais generalistas: Cancioneiros Galantes, A Poesia Viaja de Comboio, Os Poetas e o Comércio, Poesia Militante, A Sátira à Política na Poesia Portuguesa, e Queixas contra a Inglaterra na Poesia Portuguesa.

255 páginas. 15 x 21 cm. Edição do autor, Lisboa, 1980. Excelente exemplar.

Preço: 12 euros.



PONTO DE NÃO-REGRESSO


ANTÓNIO MANUEL COUTO VIANA


Poemas datados 1977-1980, antecedidos por um estudo de cerca de 15 páginas da autoria de Franco Nogueira. Capa de Vítor Luís, com um desenho de Juan Soutullo. 115 páginas. 15 x 21 cm. Tiragem de 500 exemplares. Impecável estado de conservação. Braga: Editora Pax, 1982.

Preço: 12 euros.



SOU QUEM FUI

Antologia Poética

ANTÓNIO MANUEL COUTO VIANA


Primeira edição. Com uma nota prévia do autor, escrita por ocasião dos 50 anos de poesia (1948-1998). Posfácio de JOÃO BIGOTTE CHORÃO. Na colecção Poesia, fundada por Luís de Montalvor. Capa com um desenho de Almada Negreiros. 193 páginas. 13,5 x 20 cm. Lisboa: Edições Ática, 2000.

Preço: 15 euros.



AS “FUNÇÕES” PATRIÓTICAS DO ABADE DE LOBRIGOS


ANTÓNIO MANUEL COUTO VIANA


Separata de Estudos Regionais, vol. 18. Viana do Castelo: Centro de Estudos Regionais, 1997. 12 páginas. 17 x 23 cm. Autografado com dedicatória do autor ao poeta minhoto João Marcos.

Preço: 15 euros.



UM PASSEIO CULTURAL NA POESIA DE ANTÓNIO FERREIRA


ANTÓNIO MANUEL COUTO VIANA


Palestra proferida em 2 de Março de 1996 na Sede da Casa do Concelho de Ponte de Lima. Ilustrado com fotografias. Lisboa: Casa do Concelho de Ponte de Lima, 1996. Ilustrado. 32 páginas. 16 x 23 cm.

Preço: 10 euros.



VIANA NA POESIA DE MARIA MANUELA COUTO VIANA


ANTÓNIO MANUEL COUTO VIANA


Retrato da poetisa por Carlos Carneiro. Separata de Estudos Regionais, vol. 21. Autografado com dedicatória do autor ao poeta minhoto João Marcos. 16 páginas. 17 x 23 cm. Viana do Castelo: Centro de Estudos Regionais, 2000.

Preço: 15 euros.


natal


RETÁBULO PARA UM ÍNTIMO NATAL


ANTÓNIO MANUEL COUTO VIANA


Autografado pelo autor com dedicatória datada para a actriz Hermínia Tojal. Com um estudo introdutório de João Maia. Capa com algumas manchas. Tiragem de 600 exemplares. 32+(8) páginas. 16,8 x 24 cm. Edição do autor, Braga, 1980.

Preço: 25 euros.



AINDA NÃO


ANTÓNIO MANUEL COUTO VIANA


Exemplar assinado pelo autor com dedicatória datada de 2010.

Último livro do autor. Data da edição: o dia do 87.º aniversário de Couto Viana, 24 de Janeiro de 2010. Capa de Juan Soutullo. Tiragem única de 300 exemplares (que, pelas últimas informações, ainda não estarão esgotados). 52 páginas. 13 x 18 cm. Edição Averno 032. Óptimo exemplar. Lisboa: Averno, 2010.

Preço: 20 euros.



ANTEU

CADERNOS DE CULTURA


Publicação não periódica, cuja existência se resume a estes dois primeiros números, datados de Fevereiro e Maio de 1954. Orientação de António Osório, Fausto Denis, José Leitão da Graça, Pedro Tamen e Rogério Fernandes. Impresso na Imprensa Libânio da Silva, em Lisboa.

N.º 1: colaborações de António de Campos, António Osório, Cristovam Pavia, Fausto Denis, João Palma-Ferreira, Pedro Tamen, Rogério Fernandes e Luigi Fiorentino. 16 páginas. 19,5 x 24,3 cm. Capa com algumas manchas.

N.º 2: colaborações de Edith Sitwell, J. Monteiro Grilo, Manuel Cortes Rosa, Carlos Silva Dias, Pedro Tamen, Maria Valupi, Rogério Fernandes, António Osório, Mário Mendes, J. Carlos Maia Nogueira e Fausto Denis. 24 páginas (por abrir). 19,6 x 24,3 cm. Muito bom estado de conservação.

Conjunto invulgar.

Preço: 90 euros.


Três Português

[15Ago18]


ARTE DE SER PORTUGUÊS


TEIXEIRA DE PASCOAES


Ensaio que agrega e culmina as ideias de uma série de conferências e artigos que o autor vinha publicando na revista Águia. 2.ª edição. 160 páginas (por abrir). 12 x 16,5 cm. Bom exemplar. Porto: Renascença Portuguesa, 1920.

Preço: 20 euros.



PORTUGUÊS, ESCRITOR,
QUARENTA E CINCO ANOS DE IDADE


BERNARDO SANTERENO


1.ª edição. Capa de José Cândido. Peça estreada no Teatro Maria Matos, com uma canção de José Carlos Ary dos Santos [Teu pai um potro de sangue / emprenhou uma gazela (…)] e música de Fernando Tordo. Bom exemplar, embora com assinatura de posse, de um antigo livreiro, na página de rosto. Colecção Teatro das Edições Ática, Lisboa, 1974.

Preço: 20 euros.



PORTUGUÊS, TRABALHADOR, DOENTE MENTAL


MARIA DE FÁTIMA BÍVAR VELHO DA COSTA


Servirá este trabalho para dar sinal, embora sem rigor, do imenso teor de ambiguidade e absurdo de instituições ratificadas pelo sistema legal aparentemente razoável por que somos regidos. Tal não era o meu objectivo ao iniciá-lo e não duvido que ele não se me teria tornado tão aparente, não fora eu definindo-me cada vez mais (por tentativa e erro) como membro dessa casta um pouco à margem de toda a institucionalização — produtor perplexo que ainda que viva bem não viva do seu trabalho específico — o escritor português. [início do livro]

Capa de Henrique Ruivo. 166 páginas. 14 x 20 cm. Bom estado. Colecção Temas Actuais da Seara Nova, Lisboa, 1976.

Preço: 20 euros.



INDÚSTRIA E IMPÉRIO


E. J. HOBSBAWM


A Revolução Industrial, marco fundamental nas transformações históricas dos últimos 200 anos, coincide por breve período com a história de um único país, a Grã-Bretanha. Esta obra descreve documentadamente a ascenção da Inglaterra como primeira potência industrial, o seu declínio dessa posição de vanguarda, as suas específicas relações com o resto do mundo (particularmente no que se refere aos países subdesenvolvidos) e os efeitos conjugados de todos estes aspectos no seu reflexo sobre a vida do povo inglês. [da contracapa]

Título original: Industry and Empire, 1968-1969. Tradução de Ana Falcão Bastos e Luís Leitão. Em 2 volumes, de 248 + 276 páginas, e 11,5 x 18 (x 3,2) cm, números 63 e 64 da Biblioteca de Ciências Humanas da Editorial Presença, Lisboa, 1978.

Em conjunto com: Ler História, revista quadrimestral, n.º 4 (1985), direcção de Miriam Halpern Pereira, edição de A Regra do Jogo, Edições, 192 páginas, 17 x 23,5 cm, com uma entrevista a Eric J. Hobsbawm por A. Costa Pinto e José Manuel Sobral (páginas 127 a 136).

Preço (do conjunto): 15 euros.



NOTAS SOBRE OS CEGOS


FERNANDO FALCÃO MACHADO


Assinado pelo autor com dedicatória. Acrescido de três recortes de notícias de jornal, sobre o tema e a conferência do autor no Ateneu Comercial, origem deste texto. Separata do Boletim da Assistência Social. Ano 10.º / N.º 107 a 110 Janeiro a Dezembro-1952. Com 22 páginas, e 17,2 x 24,1 cm. Composto e impresso em Lisboa. Bom estado.

Preço: 12 euros.



LISBOA, diverte-se;
PORTO, trabalha;
COIMBRA, estuda;
BRAGA, reza.

PORQUÊ?

Ensaio geosociológico


FERNANDO FALCÃO MACHADO


Um pequeno ensaio, curioso e invulgar. Assinado pelo autor com dedicatória a Henrique de Vilhena. 26 páginas (por abrir). 18,2 x 24,5 cm. Bom estado. Lisboa: Solução Editora, 1930.

Preço: 17 euros.



LINHA DE TERRA

POEMAS

ANTÓNIO DE SOUSA


Desenho na capa de Manuel Ribeiro de Pavia. 65+(3) páginas (por abrir). 12,5 x 19 cm. Da tiragem normal de 500 exemplares. Bom estado de conservação. Lisboa: Editorial Inquérito, 1951.

Preço: 25 euros.






 


LIVRO DE BORDO


ANTÓNIO DE SOUSA


Com um poema-prefácio de Vitorino Nemésio. Segunda edição, ilustrada por Manuel Ribeiro de Pavia (1910-1957), que já não chegou a ver a obra editada. Exemplar assinado pelo autor com dedicatória, visível numa das fotografias. Tiragem de 750 exemplares. 162 páginas. 14 x 19,5 cm. Capa com alguns picos de oxidação, miolo com uma pequena mancha amarela junto à margem em meia-dúzia de páginas . Invulgar. Uma edição muito cuidada das Publicações Europa-América, Lisboa, 1957.

Preço: 25 euros.



A ILHA DE SAM NUNCA

ATLANTISMO E INSULARIDADE NA POESIA DE ANTÓNIO DE SOUSA

NATÁLIA CORREIA


Antologia, com ensaio e notas de Natália Correia. Direcção gráfica de Armando Alves. 132 páginas. 15 x 24 cm. Colecção Antília, dirigida por Natália Correia para a Secretaria Regional dos Assuntos Culturais, Angra do Heroísmo, 1982.

Preço: 15 euros.


A Mulher Algarvia

[05Fev18]


A MULHER ALGARVIA


AMÍLCAR LOURO


No Algarve — idílico jardim odorante embalado languidamente pela brisa suave de um mar de cobalto — sonha e desponta uma rainha em dia de núpcias: — a algarvia. / Mercê de circunstâncias várias, como sejam a ancestralidade tão rica em motivos lendários, recordados em afável e patriarcal convívio, e a influência do clima adormecedor, propício à indolência, a nossa mulher mais meridional tem ainda uma certa predisposição ingénita para se entreter com os castelos de fadas e toda a sorte de quimeras expressas nos contos, quasi sempre de feição luso-árabe, transmitidos desde os tempos remotos por tantas gerações. / O sangue mouro que lhe corre nas veias impele-a a um viver ofegante, ansioso, ardente. Suspira por anelantes e insaciáveis carinhos de noivado perene. Procura encaminhar a existência para um sonho de mil e uma noites — e assim facilmente se entranha no prazer. É a mulher mais sensual do nosso país. [excerto das págs. 16-17]

Prosa melosa. Prefácio de Luís Forjaz Trigueiros. 93+(7) páginas. 13 x 19 cm. Bom exemplar, com curiosa dedicatória não-autoral e ténues manchas nas capas. Vide índice nas fotografias supra. [s.l.]: Editorial do Povo, 1946.

Preço: 25 euros.



ARMAS DA GUERRILHA


JEAN-LOUIS BRAU


Pela primeira vez na Europa, a nomenclatura precisa e pormenorizada das técnicas utilizadas, quer em África, quer no Vietname, quer, ainda, na América Latina.

Dividido em três partes: Os Fundamentos da Guerrilha; O Guerrilheiro e as suas Armas; A Formação do Guerrilheiro.

Edição ilustrada com fotografias, desenhos, esquemas e tabelas. Tradução de Zarco Moniz Ferreira. 190 páginas. 14 x 20 cm. Bom exemplar. Lisboa: Ulisseia, [1974].

Óptimo estado de conservação.

Preço: 40 euros.



O PORTUGUÊS

CRISTOVÃO COLOMBO

AGENTE SECRETO DO REI DOM JOÃO II


MASCARENHAS BARRETO


Exemplar que pertenceu a Fernando Falcão Machado (1904-1993), que o anotou criticamente de diversas formas (a lápis —> com marcas, sublinhados e pequenas notas; e a tinta —> em pequenos papéis apensos às páginas a que se referem). Parece haver um tentame de índice onomástico no final, visível numa das fotografias supra. Exemplar com interesse acrescido.

Com várias ilustrações ao longo do texto, algumas a cor. 613+(11) páginas. 17 x 24 cm. Bom exemplar. Lisboa: Edições Referendo, 1988.

Preço: 40 euros.



D. PEDRO I
E A SUA ÉPOCA


JOSÉ ESTEVÃO DE MORAES SARMENTO


Um longo ensaio que questiona, com diversos fundamentos, a veracidade histórica da crónica que Fernão Lopes dedicou à vida do rei D. Pedro I. Vide índice nas fotografias supra. Exemplar da tiragem normal. Com a capa anterior (espelhada), mas não a posterior. Miolo com pequenas marcas de uso. Com (12)+xliv+562+(2) páginas, e 16,5 x 23,5 cm. Porto: Imprensa Portuguesa, 1924.

Encadernado com:

Pareceres da Academia das Sciencias de Lisboa àcerca do Livro D. Pedro I e a Sua Época do General Moraes Sarmento. 2.ª edição [ambas fora de mercado], com adenda pelo Dr. Armelim Junior, sócio da mesma academia. Inclui a petição do parecer, pelo general Moraes Sarmento, e os pareceres da secção de jurisprudência (Artur Montenegro; D. António, cardeal patriarca; Júlio de Vilhena; e Visconde de Carnaxide) e da secção de História (Vicente Almeida d’Eça; Pedro Augusto de S. Bartolomeu Azevedo; António Baião; e António Ferrão) da Academia, aprovados pelo secretário-geral, Cristovam Ayres. Invulgar. 37+(3) páginas. 14 x 21 cm. [s.l]: Sintra Gráfica, 1929.

Encadernação sintética moderna, meia-francesa, em excelente estado de conservação.

Preço: 45 euros.



OBRAS COMPLETAS DE

FLORBELA ESPANCA


RUI GUEDES (org.)


Conjunto constituído pelos VI volumes das Obras Completas (Poesia, Contos, Diário e Cartas), e os dois volumes extra-numeração, sobre a poetisa, que completam a colecção, do mesmo autor/organizador e igual grafismo: a Fotobiografia e um ensaio de Biografia.

POESIA 1903-1917
Recolha, leitura e notas por Rui Guedes. Prefácio de José Carlos Seabra Pereira. Nota filológica de Luiz Fagundes Duarte. Texto actualizado por Maria Teresa Moya Praça. Com alguns facsimiles de manuscritos da autora. Volume I das Obras Completas de Florbela Espanca. 280 páginas. 15 x 22,5 cm. Assinado por Rui Guedes com dedicatória. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1985.

POESIA 1918-1930
Recolha, leitura e notas por Rui Guedes. Prefácio de José Carlos Seabra Pereira. Texto actualizado por Maria Teresa Moya Praça. Com alguns facsimiles de manuscritos da autora. Volume II das Obras Completas de Florbela Espanca. xliii+304páginas. 15 x 22,5 cm. Assinado por Rui Guedes no anterosto. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1985.

CONTOS
Recolha, leitura e notas por Rui Guedes. Prefácio de José Carlos Seabra Pereira. Actualização e revisão do texto por Maria Teresa Moya Praça. Com facsimiles de manuscritos da autora. Volume III das Obras Completas de Florbela Espanca. xxxv+167 páginas. 15 x 22,5 cm. Assinado por Rui Guedes no anterosto. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1985.

CONTOS E DIÁRIO
Recolha, leitura e notas por Rui Guedes. Actualização e revisão do texto por Maria Teresa Moya Praça. Com facsimiles de manuscritos da autora, e uma fotografia do irmão-aviador. Volume IV das Obras Completas de Florbela Espanca. 157 páginas. 15 x 22,5 cm. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1986.

CARTAS 1906-1922
Recolha, leitura e notas por Rui Guedes. Actualização e regularização do texto por Luiz Fagundes Duarte. Com alguns facsimiles de cartas, bilhetes e postais manuscritos. Volume V das Obras Completas de Florbela Espanca. 274+(1) páginas. 15 x 22,5 cm. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1986.

CARTAS 1923-1930
Recolha, leitura e notas por Rui Guedes. Com alguns facsimiles de cartas, bilhetes e postais manuscritos. Volume VI das Obras Completas de Florbela Espanca. 259+(2) páginas. 15 x 22,5 cm. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1986.

FOTOBIOGRAFIA, por RUI GUEDES.
Tiragem numerada, verificada pela SPA, de 5000 exemplares, dos quais 3500 para o mercado português e 1500 para o mercado brasileiro (edição em parceria com a Livraria Paisagem, do Rio de Janeiro). Exemplar n.º 18. Álbum em cartonagem editorial com sobrecapa, óptimo estado de conservação. 264 páginas. Único volume fora do formato do resto da colecção: 22 x 30,3 cm. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1985.

ACERCA DE FLORBELA, por RUI GUEDES.
Biografia. Bibliografia. Apêndices. Discografia. Índice Remissivo Geral. Volume que encerra a colecção. 237 páginas. 15 x 22,5 cm. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1986.

Colecção completa, em primeira edição. Três volumes assinados por Rui Guedes, um deles com dedicatória. Todos os volumes há muito esgotados no editor. Todos em bom estado.

Conjunto invulgar.

Preço: 170 euros.



SEROENS DE S. MIGUEL DE SEIDE

CHRONICA MENSAL DE LITTERATURA AMENA

NOVELLAS, POLEMICA MANSA
CRITICA SUAVE DOS MÁOS LIVROS E DOS MÁOS COSTUMES

CAMILLO CASTELLO BRANCO


Edição original.

6 fascículos em 1 único volume (obra completa). Encadernação com rótulo em pele. Miolo aparado. Conserva a capa de brochura anterior do primeiro fascículo. Com 75+(5), 69+(3), 95+(1), 72+(8), 99+(1), 76+(6) páginas. 11,5 x 16 cm. Porto: Livraria Civilisação, de Eduardo da Costa Santos, 1885-1886.

Preço: 120 euros.



MARCELO REBELO DE SOUSA
A REVOLUÇÃO E O NASCIMENTO DO PPD
(Abril de 1974 a Maio de 1975)
2 volumes (obra completa). 1.º volume em 2.ª edição. 2.º Volume em 1.ª edição. Revisão e índices de Vasco Rosa. 1133+xxvii+lx páginas. 15,5 x 24 x 7 cm. Excelente estado de conservação. Lisboa: Bertrand Editora, 2000.
Preço (do conjunto): 20 euros.

CAMARATE
Relatórios Finais das Comissões Parlamentares de Inquérito.
Uma iniciativa do deputado Nuno Melo, presidente da VIII Comissão Parlamentar de Inquérito à Tragédia de Camarate. Coordenação editorial de Helena Alves e Noémia Bernardo. Tiragem de 1000 exemplares, não esgotados. 678 páginas. 15 x 21 cm. Bom estado de conservação. Lisboa: Assembleia da República, 2005.
Preço: 10 euros.

INÊS SERRA LOPES
CAMAROTE. A VERDADE NÃO PRESCREVE
Prefácio de Marcelo Rebelo de Sousa. A jornalista, à época grande repórter d’O Independente, revisita teorias, depoimentos e entrevistas, e acrescenta novos dados ao processo, defendendo, sem quaisquer dúvidas, a teoria do atentado. 250 páginas. 15,5 x 23,5 cm. Bom estado. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1996.
Preço: 15 euros.

AUGUSTO CID
CAMARATE
Augusto Cid, membro do PSD desde 1974 e autor das setas do símbolo do partido, dedicou uma parte da sua vida à investigação do Caso Camarate, e este volume de peso ficou como testemunho desse período e ponto de paragem obrigatório de qualquer pesquisa sobre o Caso. 1.ª edição. Ilustrado. 902 páginas. 14,5 x 21 cm. Com marcas de uso, entre as quais dedicatória não-autoral na página de rosto. Lisboa: Distri Editora, 1984.
Preço: 15 euros.

FRANCISCO SÁ CARNEIRO
TEXTOS (1969-1974)
2 volumes (de um total de 3). Volume 1 de 1969 a 1973, e Volume 2 de 1973 a 1974. Bom estado, embora a lombada do primeiro volume possua alguns vincos. 382+470 páginas. 14 x 21 x 6 cm. Lisboa: Editorial Progresso Social e Democracia, 1982.
Preço (do conjunto): 10 euros.

ANTÓNIO MARIA PEREIRA
O PENSAMENTO DE SÁ CARNEIRO EM POLÍTICA EXTERNA
O autor foi «amigo e advogado de Francisco Sá Carneiro», e deputado pelo PSD. 179 páginas. 13,5 x 21 cm. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1981.
Preço: 10 euros.

[Jornal] O DIÁRIO
WATERGATE SÁ CARNEIRO
(História de Uma Fraude)
«Quando O Diário revelou, em 14 de Abril de 1976, a existência das dívidas dos irmãos Sá Carneiro à banca nacionalizada, o chefe do PSD estava bem longe de imaginar que esse caso iria provocar, quatro anos depois, o pedido de uma reunião extraordinária da Assembleia da República, e que poria em causa o seu ambicionado cargo de Primeiro-Ministro.» Ilustrado. Inclui transcrições e fac-símiles de requerimentos e peças do processo de Sá Carneiro contra o jornal O Diário, e elementos da defesa que factualizam a informação considerada caluniosa pela acusação. 142 páginas. 15 x 21 cm. Capa de Balthazar. Lisboa: Editorial Caminho, 1980.
Preço: 15 euros.



AVE, PALAVRA


JOÃO GUIMARÃES ROSA


Obra póstuma. Capa de Gian. Com uma fotografia do autor. Nota introdutória de Paulo Rónai. Em excelente estado de conservação. 274 páginas. 14 x 21 cm. 1.ª edição, Rio de Janeiro: Livraria José Olympio Editôra, 1970.

Preço: 25 euros.



PRIMEIRAS ESTÓRIAS


JOÃO GUIMARÃES ROSA


Segundo o colofón, «êste livro foi feito nas oficinas de Artes Gráficas Bisordi S. A., na Rua do Hipódromo 63/69, São Paulo, para a Livraria José Olympio Editôra S. A., Rio, terminando-se a impressão em agôsto de 1962 — ano em que o Brasil, conquistando a Taça Jules Rimet, sagrou-se Bicampeão Mundial de Futebol.»

1.ª edição. 176-(4) páginas. 14 x 21 cm. Capa cansada. Guarda, ante-rosto e 12 páginas finais com ténue mancha de humidade no canto inferior exterior, que não toca o texto. Pequena assinatura de posse no rosto, sob o título. Rio de Janeiro: Livraria José Olympio Editôra, 1962.

Preço: 30 euros.



GUIMARÃES ROSA


ADÓNIAS FILHO
ÓSCAR LOPES
CURT MEYER-CLASON
VÍTOR MANUEL DE AGUIAR E SILVA


Textos de um ciclo de conferências sobre Guimarães Rosa, aquando das exposições biobibliográficas sobre o autor, na Galeria Quadrante, em Lisboa, e na Faculdade de Letras de Coimbra, em 1968/1969. Com 81 páginas, e 14 x 20,5 cm. Bom exemplar. Lisboa: Instituto Luso-Brasileiro, 1969.

Ensaios: «A ficção de Guimarães Rosa» (Adónias Filho), «Guimarães Rosa — intenções de um estilo» (Óscar Lopes), «Guimarães Rosa e a língua alemã» (Curt Meyer-Clason, tradutor de Guimarães Rosa para alemão) e «Visão do mundo e estilo em Grande Sertão: Veredas» (Vítor Manuel de Aguiar e Silva).

Acompanhado de um cartão do Instituto Luso-Brasileiro de Lisboa, autografado com “abraços amigos sempre”, mas sem menção do destinatário, por Ruben A.

Raro.

Preço: 25 euros.



A LÍNGUA PORTUGUESA E OS SEUS MISTÉRIOS


JAIME DE MAGALHÃES LIMA


Aveirense ilustre, correspondente de Tolstoi, irmão do grão-mestre maçónico Sebastião de Magalhães Lima, deputado entre 1893 e 1894, jornalista, presidente do município de Aveiro em 1897, Jaime de Magalhães Lima (1859-1936) retirou-se da política activa no início do século XX para se dedicar exclusivamente à literatura. Nesta obra, uma das últimas que publicou, fala de conterrâneos, amigos e referências literárias, de Agostinho de Campos, Gonçalves Fernandes Trancoso, José Pereira Tavares, Manuel José Mendes Leite, José Crispiniano da Fonseca, João de Barros, Rodrigues Lobo, Duarte Nunes de Leão, Jacinto Freire de Andrade, Dom Francisco Manuel de Melo e António Corrêa d’Oliveira, mas principalmente da língua portuguesa, sua evolução e minudências.

Encadernação editorial sintética, em bom estado. 154 páginas. 11,5 x 17,5 cm. Paris-Lisboa: Livraria Aillaud e Bertrand, 1923.

Preço: 15 euros.



INTRODUÇÃO À HISTÓRIA DO
TEATRO PORTUGUÊS


DUARTE IVO CRUZ


Plano da obra: Os esboços pré-vicentinos / Gil Vicente, o que faz os autos a El-Rei / O teatro pré-vicentino / Renascimento e teatro / Pausa neo-latina / A luta pela sobrevivência teatral / Dualidade do séc. XVIII / Séc. XIX / Séc. XX.

Com 229 páginas e 15 x 21 cm. Com ténues marcas de uso. Carimbo antigo de oferta institucional na página de guarda. Lisboa: Guimarães Editores, 1983.

Preço: 15 euros.



O HOMEM ROUCO
As crónicas juntadas foram quase todas publicadas no “Diário de Notícias”, do Rio, e a seguir na “Folha da Noite”, de S. Paulo, “Folha da Tarde”, de Pôrto Alegre, e “Diário da Noite”, do Recife. As outras saíram no suplemento literário do “Diário Carioca”, e mais no “Correio Paulistano”, “Revista do Globo”, de Pôrto Alegre, e “Jornal do Comércio”, do Recife. Tôdas foram escritas entre abril de 1948 e julho de 1949; estão arrumadas em ordem cronológica. A selecção foi feita pelo autor, com ajuda de Fernando Sabino.
Crónicas. 2.ª edição. Capa de José Medeiros («Image»). 191 páginas. 14 x 21 cm. Capa com pequenos defeitos. Assinatura de posse no pé da página de guarda. Rio de Janeiro: Editôra do Autor, 1963.
Preço: 12 euros.


A BORBOLETA AMARELA
As crónicas deste livro foram todas publicadas, entre Janeiro de 1950 e dezembro de 1952, no “Correio da Manhã”, do Rio, e em vários jornais dos Estados.
Crónicas. 3.ª edição. 214 páginas. 14 x 21 cm. Lombada amarelecida e com vincos. Assinatura de posse no pé da página de guarda. Rio de Janeiro: Editôra do Autor, 1963.
Preço: 15 euros.


AI DE TI, COPACABANA!
As crónicas deste livro foram escritas de abril de 1955 a fevereiro de 1960. Nesse período o cronista mudou de jornal: do “Correio da Manhã” foi para o “Diário de Notícias” e deste para “O Globo”. Também mudou de revista, saindo de “Manchete” para o “Mundo Ilustrado” e voltando depois para “Manchete”.
Crónicas. 2.ª edição. Capa de Bea Feitler. 222 páginas. 14 x 21 cm. Capa com pequenos defeitos. Assinatura de posse no pé da página de guarda. Rio de Janeiro: Editôra do Autor, 1960.
Preço: 12 euros.